COLEÇÃO DE FIGURAS DE TINTIM FINALMENTE NO BRASIL

Todos os detalhes do lançamento da Planeta DeAgostini

ÁLBUNS DE TINTIM EM PRETO-E-BRANCO CHEGAM AO BRASIL

Globo Livros lança réplicas das versões originais de Tintim

ESCUTE AQUI!

Série inédita baseada em "O Lótus Azul" é transmitida no rádio

PELA PRIMEIRA VEZ EM CORES

Veja a capa da nova edição de "No País dos Sovietes"

AS ATADURAS DE TINTIN

Infográfico reúne todas as pancadas que Tintim já levou

TPT ENTREVISTA ISAAC BARDAVID

Assista o bate-papo com o dublador do Capitão Haddock

TPT ENTREVISTA O PRIMEIRO TINTIM DO CINEMA

Jean-Pierre Talbot fala tudo sobre os únicos filmes de Tintim com atores reais

70 ANOS DO JOURNAL TINTIN

Publicações e eventos marcam o aniversário da revista

TPT ENTREVISTA O DUBLADOR DE TINTIM

Oberdan Jr conversa com o blog em vídeo de duas partes. Confira!

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Boletim Trilogia Tintim: Data de estreia anunciada

Brasileiros devem ver Tintim na telona antes dos americanos!

Baseado nos álbuns O Caranguejo das Tenazes de Ouro e O Segredo do Licorne, o primeiro filme de Tintim dirigido por Steven Spielberg já tem data de estreia prevista. The Adventures of Tintin: Secret of the Unicorn terá um lançamento diferente da maioria dos filmes: segundo o site The Hollywood Reporter a estreia nos EUA ocorrerá em 23 de dezembro de 2011 - mas antes disso o filme fará sua premiére ao redor do mundo.

A Sony Pictures Releasing International estará responsável pelo lançamento na Europa, América Latina e Índia, enquanto a Paramount distribuirá o filme na Ásia, Austrália, Reino Unido e outros países de língua inglesa. Isso entre o final de outrubro e início de novembro, pois só mais tarde o filme poderá ser visto pelos norte-americanos, com distribuição da Paramount.

As distribuidoras decidiram dar prioridade ao lançamento mundial antecipado porque as aventuras do jovem repórter têm mais potencial em bilheteria fora dos EUA, já que foram traduzidas a cerca de 70 idiomas. Vale ressaltar também o que foi lembrado pelo site Omelete: os estadunidenses têm uma cultura própria quando o assunto é o consumo de quadrinhos, basicamente voltados aos seus comics, deixando de lado a ótima produção europeia. Por motivos muito semelhantes, nenhum dos filmes do Asterix produzidos na França chegou a ser exibido em circuito comercial por lá.

Além disso, o elenco de Secret of the Unicorn é praticamente todo estrangeiro - por exemplo: Jamie Bell, Andy Serkis, Simon Pegg, Nick Frost e Toby Jones são britânicos, e Gad Emaleh é marroquino - o que não atrai muito aos compatriotas do tio Sam... O que deve trazer um peso maior ao filme no país são os dois principais nomes envolvidos: Steven Spielberg e Peter Jackson, além de Kathleen Kennedy, responsáveis pela direção e produção do filme, que já teve cenas gravadas em motion-capture e atualmente está em processo de animação 3D nos estúdios Weta, criador do Golum de O Senhor dos Aneis e do gorilão de King Kong.

Ao citar a estréia de Tintin, a Variety fez questão de lembrar a concorrência de outras duas animações que o filme terá nos EUA: Happy Feet 2 (Warner) e The Bear and the Bow (Disney/Pixar). Nem precisa dizer pra quem é a torcida...
Compartilhe:

Inaugurado o Museu Hergé

"É um museu em honra de Hergé, em que falamos do autor, do homem, da sua vida, da sua obra" - Laurent de Froberville.

Na sexta-feira passada, 22 de maio, data do aniversário de Hergé, foi inaugurado na Bélgica o Museu Hergé, dedicado ao criador de Tintim. Localizado na cidade de Louvaine-la-Neuve, a 30 km da capital belga, Bruxelas, o museu será aberto ao público a partir a próxima semana, dia 2 de junho.

Com design inovador, o projeto foi desenhado pelo arquiteto Christian de Portzamparc - ganhador do maior prêmio da área, o Pritzer - e tinha sua inauguração marcada para o centenário de Hergé, há dois anos atrás. Mas as divergências entre a Fundação Hergé, fiadora do projeto, e a administração pública belga, que não conseguiram chegar a um acordo para a instalação da instituição em Bruxelas, atrasaram a obra.

Só em 21 de maio de 2007, véspera dos 100 anos de Hergé, Fanny Rodwell, segunda esposa do autor e presidente da fundação que leva seu nome, assentou a primeira pedra da construção.

Nos três andares e nove salas em forma de prisma (uma delas de exposições temporárias), com uma área de 3.600 metros quadrados, os visitantes encontrarão cerca de 900 desenhos e pranchas originais de Hergé, bem como objetos pessoais do autor, documentos e fotografias de família. Dessa forma poderão "penetrar no mundo de Hergé, descobrir a sua vida, o que amava, as suas viagens, os animais de que gostava, a sua paixão por carros e sobretudo 'o homem multifacetado' que ele era", disse Laurent de Froberville, diretor do museu.

É óbvio que Tintim, a criação maior de Hergé, estará em foco, praticamente "onipresente", mas segundo o diretor, o museu quer ir "mais além de Tintim" para dar a conhecer "a obra de Hergé em toda a sua amplitude, que inclui muitas outras personagens, para além das suas criações como desenhista gráfico ou publicitário", e "submergir no seu processo criativo".

Devido à fragilidade dos documentos expostos, as peças serão trocadas a cada quatro meses, evitando que se deteriorem e possibilitando que os visitantes descubram novas obras quando retornarem ao museu.

O edifício, definido pelo jornalista Pascal Mallet, como "um grande navio translúcido", foi concebido por Christian de Portzamparc como a recriação do "mundo enfeitiçador" de Hergé, "num grande barco encalhado à beira da floresta". Quando questionado sobre a claridade que predomina no museu, o arquiteto explicou: "Não gosto de labirintos obscuros".

Segundo Laurent de Froberville, diretor do Museu Hergé, a estimativa é receber cerca de 200 mil visitantes por ano, mas ele não se surpreenderá se "a reputação de Hergé" atrair um número superior.

A primeira exposição, intitulada Expo Europalia Chine, abordando a relação entre Hergé e o país através de seu amigo, Tchang, está agendada para outubro deste ano.

Para ver mais fotos, conheca o site oficial do Museé Hergé.

Fonte: DN Artes.

Compartilhe:

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Gêmeos? Não... E eu diria mais: gêmeos não!


Alguns dias atrás foi publicada a primeira parte do especial sobre os detetives Dupond e Dupont. Se você não viu, clique aqui. Alguns detalhes e curiosidades sobre os personagens foram apresentados, mas uma pergunta não foi respondida: Dupond e Dupont são gêmeos? Hoje nós vamos direto ao ponto, e você poderá saber a resposta - e algumas justificativas:

Alguns estudiosos de Tintim pesquisam, pesquisam, mas a resposta já foi dada há tempos pelo próprio Hergé: Dupont e Dupond não são gêmeos. Ou seja, todos os que divulgam isso e se referem aos detetives como "twins" estão redondamente enganados!

.: A palavra do autor

Não precisa ser um grande observador para perceber que a diferença entre os dois não está só nos bigodes. É só notar a grafia dos nomes dos detetives: Dupond (dom "d") e Dupont (com "t"), na realidade sobrenomes. Mas se isso não basta, com certeza é esclarecedor saber que o criador de Tintim em pessoa afirmou, por meio de uma entrevista, que ambos não são irmãos, mas apenas duas personagens que simbolizam 'uma estupidez burguesa'.

Hergé disse ter tido uma idéia bem precisa quando criava os Dupondt: mostrar uma categoria de pessoas que, "porque o dever é suposto, o impor", são capazes de passar por cima de sua consciência e se voltar até mesmo contra um amigo, apenas para fazer cumprir a lei, demonstrando assim total falta de humanidade e sensibilidade. E nós havemos de concordar que situações assim são protagonizadas pelos detetives diversas vezes nos álbuns!

.: Inspirações reveladoras

Se essa evidência não basta, considere o que foi dito por Benoît Peeters , estudioso da vida e obra de Hergé. Depois de dizer que os policiais 'nem mesmo eram parentes', em "Le Monde de Hergé" (Casterman, 1983), o escritor afirmou, agora na biografia "Hergé, Fils de Tintin" (Flammarion, 2002) que os detetives poderiam, provavelmente, ser inspirados no pai e no tio de Hergé, gêmeos inseparáveis, mas continuou a afirmar que não eram da mesma família.

Outra obra, "Tintin chez Jules Verne" (LeFranq, 1998), confirma que Hergé - apesar de nunca ter confirmado isso - teria buscado inspiração no romancista francês Júlio Verne. Para J. P. Tomasi e M. Deligne, autores da obra, Hergé teria baseado na dupla de detectives Craig e Fry, do livro As Atribulações de um chinês na China - imagem à direita. Mas as semelhanças físicas são, claramente, as dos personagens Arminius e Sigimer (de "Cinq Cents Millions de la Bégum"), um com a barba arredondada e o outro com a barba cortada em triângulo - como pode ser visto na foto à esquerda, onde os personagens aparecem na capa do livro Tintin ches Jules Verne - clique para ampliar.

.: A Conclusão

A prova final para quem ainda duvida que Dupond e Dupont não sejam gêmeos vem, no entanto, do site oficial de Tintim, mantido pela Fundação Hergé - ou seja, a fonte mais confiável sobre o assunto. Lá diz assim (em francês): “Leur ressemblance est extraordinaire: bien qu'ils ne soient ni jumeaux ni même frères, rien ne les distingue à première vue. Seule la forme de la moustache diffère. Comme l'expliquait Hergé, Dupond avec "d" a les moustaches droites, alors que Dupont avec "t" a les siennes un tantinet tire-bouchonnées”. Tradução do trecho em negrito: embora eles não sejam gêmeos, nada os distingue à primeira vista...

Assim chegamos à conclusão: Dupond e Dupont não são gêmeos.
E eu diria mais: Dupond e Dupond nunca foram gêmeos!

Fonte: Wikipedia, O Vilacondense, Tintin es Vivant.
Texto: Pedro Britto.
Compartilhe:

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Hergé - 102 anos

Em 22 de maio de 1907, na cidade de Etterbeek, Bélgica, nascia Georges Prosper Remi. Escritor, artista e desenhista de histórias em quadrinhos, Hergé ficou mundialmente conhecido após a criação do fantástico universo d'As Aventuras de Tintim, desenhada por ele desde 1929 até sua morte, em 1983.

Conhecido como o "Walt Disney europeu", Hergé criou diversos personagens além de Tintim, tais como Joana, João e o macaco Simão (Jo, Zette e Jocko), Quim e Filipe (Quick et Flupke), Popol et Virgine, entre outros. Sua obra inspirou diversos artistas, e até hoje Hergé é lembrado por sua maior criação: Tintim.

Confira uma biografia de Hergé clicando aqui.
Compartilhe:

Tintim e a Alfa-Arte 23

As peças do quebra cabeça estão na mesa. E Tintim já se prepara para juntá-las...

Endaddine Akass - quem não lembra do mago citado por Madame Castafiore na página ?!

Curiosidades

.: É impressão minha ou Dupond e Dupont estão sentadinhos ali atrás?!

.: E você reparou na data que aparece no cartaz do congresso do mago? 22 de maio. Justamente a data de hoje - coincidência, não?! E os mais atentos sabem que esta é a data do nascimento de Hergé. Mais tarde falaremos sobre isso. Até logo!
Compartilhe:

Além de Tintim: HQs clássicas são relançadas em Portugal


A editora portuguesa Público, em parceria com a ASA, iniciou uma nova coleção, dedicada a antigos heróis da "banda desenhada" - como as histórias em quadrinhos são conhecidas por lá. Os personagens ficaram famosos ao ser publicados na extinta Revista Tintin (edição portuguesa), e são agora resgatados para uma colecção apropriadamente intitulada "Clássicos da Revista Tintin". Ao lado você confere a capa da primeira edição, com histórias de Luc Orient.

A coleção é composta por 12 volumes de 96 páginas, com 26 histórias - sendo que dez dos álbuns trazem duas histórias, e dois deles, três. Além de republicações, também serão lançadas 13 aventuras ainda inéditas em Portugal. Confira os todos os títulos abaixo:

20 de Maio - Luc Orient - Os Dragões de Fogo/Os Sóis de Gelo (o da imagem acima)
27 de Maio - Clorofila - Contra os Ratos Negros/Clorofila e os Conspiradores
03 de Junho - Jonathan - O Sabor do Songrong/Ela ou Dez Mil Pirilampos
10 de Junho - Michel Vaillant - O 8.º Piloto/Suspense em Indianápolis
17 de Junho - Rock Derby - Os Tubarões do Ringue/Os Ladrões de Bonecas/Pânico no Paraíso
24 de Junho - Bernard Prince - A Fortaleza das Brumas/Objectivo Cormoran
01 de Julho - Clifton - Meu Caro Wilkinson/O Rapto
08 de Julho - Vasco - O Ouro e o Ferro/O Prisioneiro de Satanás
15 de Julho - Spaghetti - Spaghetti e os quadros a Óleo/Encontro de Ciclistas/Spaghetti em Paris
22 de Julho - Ric Hochet - Uma armadilha para Ric Hochet/Ric contra "O Serpente"
29 de Julho - Buddy Longway - O Vento Selvagem/O Manto Negro
05 de Agosto - Lester Cockney - A Ruptura/Oregon Trail

Os álbuns podem ser comprados toda quarta-feira, por 6,90 euros, junto com o jornal Público, mas também são encontrados no site da Loja Público. Para saber mais detalhes, visite o site oficial da coleção, clicando aqui.
Com informações são do blog O Tintinófilo.
Compartilhe:

quarta-feira, 20 de maio de 2009

A maior página de quadrinhos do mundo

Como parte das comorações dos 80 anos de Tintim, uma ilustração gigantesca foi colocada na Grand Place-Grote Markt em Bruxelas, na Bélgica, no dia 07 de maio. A reprodução de uma página do álbum de Tintim Rumo à Lua, do cartunista belga Hergé, mede 672 metros quadrados (cerca de 3 quadras de tênis) e pesa 350 quilos. Os organizadores do evento dizem que essa é a maior imagem de uma HQ no mundo.

Abaixo você confere um vídeo mostrando o evento. Clicando aqui, você confere mais fotos da maior página de quadrinhos do mundo.

Fontes: Tintin Movie.org; G1.

Compartilhe:

domingo, 17 de maio de 2009

Tintim e a Alfa-Arte 22

Mais uma página da aventura de Tintim no mundo da arte contemporânea.

O que deu em Tintim para fazer essa loucura?! Só na semana que vem pra ficarmos sabendo!

P.S.: E não perca, também na próxima semana, a continuação da matéria sobre os detetives Dupond e Dupont - será que eles são gêmeos?
Compartilhe:

Tintim bate recorde em leilão milionário

De Sérgio Codespoti para o Universo HQ (12/05/09)
Um lote de 600 peças relacionadas com Hergé e Tintim alcançou o valor recorde de 1.172.000,00 euros, ou seja, o equivalente a R$ 3.293.320,00, durante um leilão de quadrinhos realizado em 10 de maio, na cidade de Namur, na Bélgica.

O evento foi parte do 3° Festival Tintim e do festival Brussels 2009 BD Comics Strip.

Segundo o especialista Thibaut Van Houtte, a serviço da casa de leilões Rops, esta quantia é um recorde mundial, e ficou muito acima da estimativa inicial de 650 mil euros.

As principais peças do leilão eram cinco páginas de Tintim, a lápis, desenhadas por Hergé. As duas páginas leiloadas pelos valores mais altos foram adquiridas por um colecionador belga que preferiu ficar no anonimato.

O colecionador belga adquiriu uma página a lápis de As Jóias da Castafiore (a terceira página do álbum, com Tintim, Milu e o capitão Haddock), de 1963, leiloada por 312 mil euros (R$ 876.720,00); e a página 38 do álbum O Caso Girassol (com uma cena de uma batida entre carros), de 1956.

Também foram vendidas centenas de objetos, como placas, estatuetas, álbuns, a valores mais acessíveis, entre 100 e 500 euros (de 281 a 1.405 reais). Uma coleção de exemplares do semanário Le Petit Vingtème, de 1932 a 1940, estimada em 600 mil euros (R$ 16.860,00), também fazia parte das peças

Dentre os interessados estavam colecionadores de várias partes da Europa, dos Estados Unidos, do Líbano e até da China.

Tintim, personagem criado por Hergé, completou 80 anos em janeiro.
Compartilhe:

sábado, 16 de maio de 2009

Dupond e Dupont - Gêmeos???

Eles se vestem igual, têm o mesmo pouco cabelo, a mesma personalidade, mas se diferenciam por um simples detalhe: o bigode.

Principalmente por esse motivo, Dupond e Dupont, os atrapalhados detetives das Aventuras de Tintim, são muitas vezes descritos como irmãos gêmeos. Mas existe um grupo que não acredita no parentesco dos policiais belgas, e procuram meios de provar - ou pelo menos ter certeza - que eles não são gêmeos. Pra piorar a situação, alguns usam como justificativa o fato de Hergé possivelmente ter se inspirado em seu pai e seu tio - gêmeos que sempre usavam roupas e chapéus parecidos - para criar os detetives.


Nesse texto, dividido em duas partes, vamos tentar esclarecer o assunto, e ver se acabamos de vez com a dúvida. Mas antes, conheça um pouco mais sobre esses personagens icônicos do universo criado por de Hergé.

A estreia dos personagens foi no álbum Os Charutos do Faraó (1934), onde apareceram com os pseudônimos X33 e X33 bis. A partir de então, Dupond e Dupont (ou Dupondt) - inicialmente membros da segurança belga, mais tarde parte da P.J. (Polícia Judicial) - passam a fazer constantes participações nas aventuras de Tintim, deixando de ser apenas personagens secundários para ganhar cada vez mais espaço, contribuindo bastante para o lado humorístico da série.

Características

Fisicamente, só uma coisa os distingue: a forma do bigode. Dupond tem o bigode com corte reto, penteado para baixo, enquanto Dupont tem as pontas do bigode enroladas, ligeiramente viradas para fora. Se não sabia como identificá-los, essa pode ser uma informação útil.

Eles são distraídos, o que lhes faz tomar tombos e tropeços à toda hora. Curiosamente, porém, sempre são chamados para missões especiais, apesar de sua incompetência bastante evidente - talvez por isso se consideram os melhores detetives do mundo. Mas essa pretensão só lhes faz ser ainda mais atrapalhados - e mal-sucedidos - em suas investigações, sendo que vez por outra chegam a conclusões precipitadas, perseguindo os inocentes. Exemplos disso acontecem em O Lótus Azul e A Ilha Negra, quando suspeitam de Tintm, e também em O Segredo do Licorne, quando os detetives acusam o capitão de ter assassinado um personagem - veja a imagem à direira.

É muito comum, em diversos álbuns de Tintim, ver os Dupondt em ação de uma forma que se acham especialistas: disfarçados. Na tentativa de se misturar com a multidão e passar despercebidos, os detetives investem em roupas e acessórios locais. Mas diferente do que esperam, a reação é diferente, e as vestimentas - geralmente roupas folclóricas da região, que ninguém usa no cotidiano - acabam chamando ainda mais a atenção daqueles que lhes rodeiam.

Cena de O Lótus Azul: Dupond e Dupont tentam passar despercebidos pela multidão na China. Mas parece que o disfarce não funcionou...
Outra marca registrada nos Dupondt é a linguagem, cheia de lapsos e pleonasmos. Quem não conhece a expressão "eu diria mais", tão comum no vocabulário "duponiano"? E expressões como "silêncio e boca fechada" são muito mais comuns do que se possa imaginar. Entre pérolas mais marcantes, esta é com certeza bastante citada: "Dizer que nós pisamos o solo da Lua onde a mão do homem jamais pôs o pé."

Curiosidades:

.: A estreia oficial aconteceu em Os Charutos do Faraó, mas o texto sugere que eles já conheciam Tintim. Na versão colorida de Tintim no Congo (1946), onde aparecem anonimamente, um deles dá a entender que não conhecia Tintim por nome, apenas pela reputação. Na versão original, em preto e branco, eles não estão presentes.

.: Dupond e Dupont permaneceram anônimos por diversas aventuras. Foi só em O Cetro de Ottokar (1938), que eles foram apresentados com o nome que conhecemos até hoje.

.: Em No País do Ouro Negro, os detetives engolem pílulas que lhes causam um efeito colateral: crescem longas barbas que mudam frequentemente cor. Apesar de aparecerem curados no final da aventura, o problema retorna em Explorando a Lua, causando enormes problemas quando as barbas ameaçam a preencher o espaço do foguete.

.: Dos 19 livros seguintes a Os Charutos do Faraó - sem contar o inacabado Tintin e a Alfa-Arte e a quadrinização do filme O Lago dos Tubarões - os Dupondt aparecem em 17. Apenas não figuram em Tintim no Tibete e Voo 714 para Sidney. Em alguns álbuns, porém, a participação é menor. Em A Estrela Misteriosa, por exemplo, sua aparição se limita a um único painel.

.: Além do pai e do tio de Hergé, outra inspiração para os personagens teria sido uma foto de dois detetives bem vestidos, de bigode e chapéu coco, n capa do Le miroir, edição de 2 de março de 1919.

.: O nome dos detetives inspirou uma banda pop britânica da década de 1980, a Thompson Twins.

.: Os detetives Dupondt fazem uma breve participação no álbum Asterix entre os Belgas, de 1979, último álbum de Uderzo & Goscinny. Em um quadrinho (à esquerda), eles aparecem vestindo roupas tradicionais belgas, e anunciam a chegada de Júlio César.

.: Simon Pegg e Nick Frost (Hott Fuzz e Todo Mundo Quase Morto) viverão os detetives na adaptação de Tintim para o cinema. O processo de animação já está em andamento, e novas filmagens foram marcadas para o meio do ano. A estreia está prevista para 2011.

Dupondt no mundo:

Os detetives são chamados, no Brasil, pelo seu nome original, idealizado por Hergé. Mas veja como outros povos traduziram os nomes Dupond e Dupont:

Africâner - Uys en Buys
Alemão - Schulze und Schultze
Árabe - سامر و تامر (Sāmir wa Tāmir/ Tik & Tak)
Basco - Dupond eta Dupont
Bengali - Johnson & Rohnson
Bressane (francoprovençal) - Dubeu pi Débeu
Chinês - 杜本和杜朋 (Dùběn hé Dùpéng)
Croata - Dipon e Dipon
Dinamarquês - Dupond og Dupont
Espanhol - Hernández y Fernández
Esperanto - Citserono & Tsicerono
Francês - Dupond et Dupont
Galês - Johns &Johnes
Grego - Ντυπόν Ντιπόν (Dupon e Dipon, ambos pronunciados "Dipon")
Hebraico - תומפסון ותומסון (Tompson ve Tomson)
Holandês - Jansen & Janssen
Indonésio - Dupond dan Dupont
Inglês - Thomson and Thompson
Islandês - Skapti og Skafti
Italiano - Dupond e Dupont
Japonês - デュポンとデュボン (Dubon to Dubon)
Latim - Clodius et Claudius
Persa - دوپونت و دوپونط (Douponte, Doupont )
Luxemburguês - Biwer a Biver
Neerlandês - Jansen en Janssen
Russo - Dupont & Dupant
Sueco - Dupond och Dupont
Tcheco - Kadlec a Tkadlec
Turco - Dupont ve Dupond

Fonte: Wikipedia, Bruno Porto.

P.S.: Não perca, na semana que vem, a continuação da matéria, com a resposta à pergunta: Dupond e Dupont são gêmeos?!

SAIBA MAIS SOBRE OUTROS PERSONAGENS DAS AVENTURAS DE TINTIM:
Milu, o fiel companheiro
Nestor, o mordomo de Moulinsart
Serafim Lampião, agente de seguros
Abdallah, o herdeiro de Khemed
Ben Kalish Ezab, o Emir
Compartilhe:

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Os 10 melhores desertos da literatura

Depois de Os 50 Maiores Personagens dos Quadrinhos, publicado pela revista Empire - e vista aqui semanas atrás - acaba de sair mais um top citando obra de Hergé. O The Guardian publicou, em seu site os 10 melhores desertos que aparecem em livros. E quem estava lá?! Confira abaixo:

1. The Sheik de Edith Maude Hull
2. The Map of Love de Ahdaf Soueif
3. The English Pacient de Michael Ondaatje
4. The Songlines de Bruce Chatwin
5. Wind, Sand and Stars de Antoine de Saint-Exupéry

6. O Caranguejo das Tenazes de Ouro de Hergé
7. The Treasure of the Sierra Madre de B Traven
8. Dune de Frank Herbert
9. Quarantine de Jim Crace
10. Désert de JMG Le Clézio

Para ver a lista completa, mais detalhes, clique aqui.
Compartilhe:

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Tintim e a Alfa-Arte 20

Pensou que ia ficar sem a continuação de nossa aventuras por mais uma semana?... Eu não seria capaz de fazer isso! Confira agora a vigésima página de Tintim e a Alfa-Arte. Mas antes, uma breve recapitulação dos fatos...
A história começa com um pesadelo do Capitão Haddock quase se tornando realidade: Bianca Castafiore está a caminho! Para escapar da indesejada visita, o velho lobo do mar praticamente foge de Moulinsart, e se esconde entre a multidão da cidade. Mas o que ele não esperava é que desse de cara com intragável cantora. A solução? Entrar na primeira porta que visse pela frente!

E não é que Castafiore acabou entrando naquela mesma porta - da Galeria Fourcart? Lá dentro, o Capitão conhece Henry Fourcart, dono da galeria, e Ramo Nash, artista jamaicano criador da Alfa-Arte - a arte com letras do alfabeto - em exposição naquele momento. Influenciado por Bianca, acaba levando para casa um exemplar da "Personalfa-Arte", que é incompreendida pelos transeuntes de Moulinsart...

Nesse meio tempo, fatos curiosos vão acontecendo: Bianca vai passar uns dias com o misterioso mago Endadine Akass; o Emir Ben Kalish Ezab anuncia a construção de um museu de arte moderna em seu país, Khemed; é noticiada a morte de Jacques Monastir, especialista em arte, num suposto acidente.

Mas o mistério começa mesmo quando Tintim fica sabendo da morte do Sr. Fourcart (aparentemente também por acidente), com que ele teria um encontro na noite anterior. Desconfiado, o jovem repórter sai em busca de explicações, e depois de conversar com Martine Vandezande, funcionária da Galeria Fourcart, parte para fora da cidade, rumo à oficina onde Fourcart costumava deixar seu carro. Mas ele não desconfia que está sendo vigiado e perseguido...

Os bandidos tentam, a todo custo, matar nosso destemido herói, mas seu pé quente não permite que nada de mal lhe aconteça, pelo contrário: quem acaba se dando mal são eles, que precisam roubar um carro para fugir. Agora com a certeza de que existe um crime envolvendo aquelas mortes, Tintim quer descobrir quem lhe entregou aos malvadões, o que o faz voltar a procurar a Srta. Vandezande:

Hum, será que ela não tem mesmo culpa no cartório? E o que é tão óbvio assim? Quer saber? Não precisa esperar até a próxima semana: confira a página 21 agora...

Tintim e a Alfa-Arte 21

E ainda nesta semana, não perca, mais uma página - ou quem sabe duas, três... - de Tintim e a Alfa-Arte!

P.S.: A postagem seria publicada originalmente no domingo. Mas devido a um problema no Blogger, não foi possível evitar o atraso.
Compartilhe:

sábado, 2 de maio de 2009

Confira o resultado da promoção Quero meu Box Tintim!

Antes de qualquer coisa, quero agradecer a todos que participaram da promoção Quero Meu Box Tintim!

É curioso que, até o último dia da promoção, nenhum participante havia acertado as 15 perguntas, somando ao final 30 pontos. Mas o participante

Thalisson Marcos Freire da Silva

de Goiânia, Goiás, conseguiu, e vai levar pra casa o grande prêmio da LogOn Editora Multimídia. O vencedor deverá enviar seu endereço completo para contatobritto@hotmail.com até esta segunda, e dentro de alguns dias receberá em casa seu Box completo das Aventuras de Tintim!

As Respostas

Você pesquisou? Quebrou a cabeça mas não encontrou todas elas? Então confira agora as respostas (e o peso de cada pergunta) do quizz:

1. No episódio Os Charutos do Faraó, qual é o destino de Tintim em sua viagem de navio? (série - 1 ponto)
a) Hong-Kong
b) Changai
c) Singapura

.: Na realidade esta é uma pegadinha. Para acertar essa resposta é preciso bastante atenção. No início do episódio Os Charutos do Faraó, Tintim fala com Milu o destino de sua viagem. Mas na dublagem, o que ele diz (Hong-Kong) vai de encontro com o que aparece no mapa (Changai). Para qualquer dúvida, confira a primeira página do álbum, ou dê atenção ao vídeo abaixo - especialmente no minuto 00:27:

2. Em Tintim na América, qual o nome do detetive que investiga o desaparecimento de Milu? (álbum - 2 pontos)
a) Igor Wagner
b) Mike MacAdam
c) Frank Wolff

.: Para confirmar, veja a página 47 de Tintim na América.

3. Que país que é tomado pelo General Tapioca, no episódio Tintim e os Tímpanos? (série - 1 ponto)
a) San Theodoros
b) Sildávia
c) Bordúria

.: Clique na imagem abaixo para ver uma parte do episódio. A partir do minuto 04:38 ficamos sabendo que San Theodoros é o país invadido pelo General:

4. Quem, supostamente, foi a inspiração de Herge na escolha do nome de Milu? (curiosidade - 3 pontos)
a) sua filha única
b) sua primeira namorada
c) sua irmã mais velha

.: Conforme publicado aqui no blog há certo tempo, o nome Milou (em francês) foi originado de Malou, contração do nome da primeira namorada de Hergé, Marie-Louise Van Cutsem.

5. Que arma o gangster Tom Hawake usa contra Tintim em Chicago? (álbum - 2 pontos)
a) uma pistola de ouro
b) uma caneta-canivete
c) uma bengala-espada

.: Nessa questão houve um engano da minha parte, mas nada que atrapalhasse os participantes da promoção. Na realidade, em Tintim na América, não é Tom Hawake quem usa uma arma contra Tintim. Nosso herói é atacado por um gangster, que não tem seu nome revelado durante toda a aventura. Mas como a maioria respondeu, foi mesmo uma bengala-espada a arma utilizada pelo vilão - vide página 57.

6. Que personagem de O Segredo do Licorne vive no endereço Rua do Eucalipto, 21? (série - 1 ponto)
b) Dr. Müller
c) Sra. Finch
d) Sr. Sacarina

.: Tanto no álbum como no episódio da série Tintim recebe um cartão com o endereço do Sr. Sacarina. Clique na imagem e veja o vídeo a partir do minuto 05:35:

7. Qual(is) dos personagens de Hergé listados abaixo foi(ram) criado(s) primeiro? (curiosidade - 3 pontos)
a) Totor
b) João, Joana e o Macaco Simão
c) Quim e Filipe

.: O personagem Totor, C.P. (Chefe de Patrulha) des Hannetons foi criado por Hergé em 1926, para o jornal Le Boy-Scout Belge. Considerado uma prefiguração de Tintim, o corajoso escoteiro estreou em Extraordinaires aventures de Totor, C.P. des Hannetons (imagem ao lado).

8. Com quem Tintim é confundido ao visitar Khemed pela primeira vez? (álbum - 2 pontos)
a) Salomão Goldstein
b) J. Baltazar
c) Hipólito Bergamote

.: Assim que pisa em Khemed, no álbum No País do Ouro Negro, Tintim é levado pelos guardas, que o confundem com um carinha bem parecido: Salomão Goldstein - esse da figura ao lado. Hoje, em algumas versões do álbum, o personagem não aparece.

9. Com que nome o personagem Dr. Sarcófago é apresentado nas edições mais antigas de Os Charutos do Faraó? (curiosidade - 3 pontos)
a) Filémon Siclone
b) Yegor Stassanov
c) Aristide Filoselle

.: A resposta pode ser vista na edição de Os Charutos do Faraó publicada pela editora Record na década de 1970.

10. Que vilão está por trás do Marquês Di Gorgonzola, em Perdidos no Mar? (série - 1 ponto)
a) Máximo Pardal
b) Rastapopolus
c) Allan Thompson

.: Para conferir, basta clicar na imagem e assistir o trecho do episódio a partir do minuto 06:40:

11. Qual é o degrau da escada que está quebrado em As Jóias da Castafiore? (álbum - 2 pontos)
a) o segundo
b) o terceiro
c) o quarto

.: Veja a confirmação na imagem abaixo, extraída da última página do álbum, em francês:

12. Quem dirigiu o primeiro filme em live-action de Tintim? (curiosidade - 3 pontos)
a) Jean Bouise
b) Jean-Jacques Vierne
c) Jean-Pierre Talbot

.: De acordo com a ficha técnica no site IMDb, Jean-Jacques Vierne foi o diretor do primeiro longa com atores reais baseado na obra de Hergé, O Mistério do Tosão de Ouro. Jean-Pierre Talbot viveu Tintim, e Jean Bouise deu vida ao o Capitão Haddock no segundo filme, Tintim e as Laranjas Azuis.

13. Que estúdio foi responsável pela dublagem da série As Aventuras de Tintim no Brasil? (série - 1 ponto)
a) Delart
b) Herbert Richers
c) Double Sound

.: Não precisa nem explicar. Basta começar a assistir um dos episódios de Tintim e ouvir o famoso "versão brasileira"...

14. Que nome é adotado por Tintim ao disfarçar-se de sobrinho de Oliveira da Figueira, em No País do Ouro Negro? (álbum - 2 pontos)
a) Álvaro
b) Joaquim
c) Manuel

.: Veja a página do 43 álbum, onde Tintim aparece de peruca preta e óculos escuros.

.: 15. Que personagem de Hergé foi inspirado em Auguste Piccard? (curiosidade - 3 pontos)
a) Nestor
b) Oliveira da Figueira
c) Professor Girassol

Auguste Piccard (1884-1962) foi um famoso físico, inventor e explorador suíço. Só por essa definição conclui-se rapidamente que serviu de inspiração para um dos mais famosos cientistas da ficção: o Professor Girassol.

Espero que todos tenham curtido o quizz, e mesmo que você não tenha sido o premiado, certamente valeu a experiência. Mais uma vez agradeço, pessoal, e até a próxima promoção, quem sabe!

Compartilhe:

sexta-feira, 1 de maio de 2009

É amanhã...

A promoção Quero Meu Box Tintim! foi um sucesso. Vários leitores puderam conhecer um pouco mais sobre o personagem e o universo criado por Hergé, e muitos com certeza passaram a admirar ainda mais essa célebre criação!
Tá, eu sei que devem estar ansiosos para saber o resultado, mas vão ter que esperar mais um pouco... Amanhã à noite divulgarei o nome do vencedor - ou será que houve empate?! - e também as respostas do quizz.
Aguarde! Quem sabe você não é o ganhador?!
P.S.: Essa semana não haverá a publicação da 20ª página de Tintim e a Alfa-Arte. Mas durante a semana que vem, a continuação será publicada, junto com uma breve retrospectiva da aventura...
Compartilhe:

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT