quarta-feira, 27 de maio de 2009

Gêmeos? Não... E eu diria mais: gêmeos não!


Alguns dias atrás foi publicada a primeira parte do especial sobre os detetives Dupond e Dupont. Se você não viu, clique aqui. Alguns detalhes e curiosidades sobre os personagens foram apresentados, mas uma pergunta não foi respondida: Dupond e Dupont são gêmeos? Hoje nós vamos direto ao ponto, e você poderá saber a resposta - e algumas justificativas:

Alguns estudiosos de Tintim pesquisam, pesquisam, mas a resposta já foi dada há tempos pelo próprio Hergé: Dupont e Dupond não são gêmeos. Ou seja, todos os que divulgam isso e se referem aos detetives como "twins" estão redondamente enganados!

.: A palavra do autor

Não precisa ser um grande observador para perceber que a diferença entre os dois não está só nos bigodes. É só notar a grafia dos nomes dos detetives: Dupond (dom "d") e Dupont (com "t"), na realidade sobrenomes. Mas se isso não basta, com certeza é esclarecedor saber que o criador de Tintim em pessoa afirmou, por meio de uma entrevista, que ambos não são irmãos, mas apenas duas personagens que simbolizam 'uma estupidez burguesa'.

Hergé disse ter tido uma idéia bem precisa quando criava os Dupondt: mostrar uma categoria de pessoas que, "porque o dever é suposto, o impor", são capazes de passar por cima de sua consciência e se voltar até mesmo contra um amigo, apenas para fazer cumprir a lei, demonstrando assim total falta de humanidade e sensibilidade. E nós havemos de concordar que situações assim são protagonizadas pelos detetives diversas vezes nos álbuns!

.: Inspirações reveladoras

Se essa evidência não basta, considere o que foi dito por Benoît Peeters , estudioso da vida e obra de Hergé. Depois de dizer que os policiais 'nem mesmo eram parentes', em "Le Monde de Hergé" (Casterman, 1983), o escritor afirmou, agora na biografia "Hergé, Fils de Tintin" (Flammarion, 2002) que os detetives poderiam, provavelmente, ser inspirados no pai e no tio de Hergé, gêmeos inseparáveis, mas continuou a afirmar que não eram da mesma família.

Outra obra, "Tintin chez Jules Verne" (LeFranq, 1998), confirma que Hergé - apesar de nunca ter confirmado isso - teria buscado inspiração no romancista francês Júlio Verne. Para J. P. Tomasi e M. Deligne, autores da obra, Hergé teria baseado na dupla de detectives Craig e Fry, do livro As Atribulações de um chinês na China - imagem à direita. Mas as semelhanças físicas são, claramente, as dos personagens Arminius e Sigimer (de "Cinq Cents Millions de la Bégum"), um com a barba arredondada e o outro com a barba cortada em triângulo - como pode ser visto na foto à esquerda, onde os personagens aparecem na capa do livro Tintin ches Jules Verne - clique para ampliar.

.: A Conclusão

A prova final para quem ainda duvida que Dupond e Dupont não sejam gêmeos vem, no entanto, do site oficial de Tintim, mantido pela Fundação Hergé - ou seja, a fonte mais confiável sobre o assunto. Lá diz assim (em francês): “Leur ressemblance est extraordinaire: bien qu'ils ne soient ni jumeaux ni même frères, rien ne les distingue à première vue. Seule la forme de la moustache diffère. Comme l'expliquait Hergé, Dupond avec "d" a les moustaches droites, alors que Dupont avec "t" a les siennes un tantinet tire-bouchonnées”. Tradução do trecho em negrito: embora eles não sejam gêmeos, nada os distingue à primeira vista...

Assim chegamos à conclusão: Dupond e Dupont não são gêmeos.
E eu diria mais: Dupond e Dupond nunca foram gêmeos!

Fonte: Wikipedia, O Vilacondense, Tintin es Vivant.
Texto: Pedro Britto.
Compartilhe:

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito bacana essa 2ª parte do especial Britto!
    Só não acredita que os Dupondt não são gêmeos quem não quiser mesmo! As provas estão aí... E são muitas!
    Essa personalidade em comum dos Dupondt é bem vísivel mesmo nos álbuns e episódios da série...

    Valeu!

    ResponderExcluir
  3. Convencidíssima. Já deixei os agradecimentos pela sua ajuda na resposta ao seu comentário, mas repito-os aqui também.
    Muito obrigada!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Não tem de quê. Obrigado pela referência ao blog!
    E seja bem-vinda a este maravilhoso universo.
    Abraços!

    ResponderExcluir

Fique à vontade para soltar o verbo, marujo!

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT