COLEÇÃO DE FIGURAS DE TINTIM FINALMENTE NO BRASIL

Todos os detalhes do lançamento da Planeta DeAgostini

ÁLBUNS DE TINTIM EM PRETO-E-BRANCO CHEGAM AO BRASIL

Globo Livros lança réplicas das versões originais de Tintim

ESCUTE AQUI!

Série inédita baseada em "O Lótus Azul" é transmitida no rádio

PELA PRIMEIRA VEZ EM CORES

Veja a capa da nova edição de "No País dos Sovietes"

AS ATADURAS DE TINTIN

Infográfico reúne todas as pancadas que Tintim já levou

TPT ENTREVISTA ISAAC BARDAVID

Assista o bate-papo com o dublador do Capitão Haddock

TPT ENTREVISTA O PRIMEIRO TINTIM DO CINEMA

Jean-Pierre Talbot fala tudo sobre os únicos filmes de Tintim com atores reais

70 ANOS DO JOURNAL TINTIN

Publicações e eventos marcam o aniversário da revista

TPT ENTREVISTA O DUBLADOR DE TINTIM

Oberdan Jr conversa com o blog em vídeo de duas partes. Confira!

sábado, 18 de maio de 2013

Desejo: Coleção "Tintin Pop-Hop"

Depois de completar uma coleção, é impossível não começar uma busca por itens relacionados. É o que acontece quando você já tem todos os álbuns de Tintim, e passa a descobrir edições especiais (e difíceis de encontrar!). Minha descoberta mais recente foi a antiga coleção "Pop-Hop", uma série de livros da Hallmark que conta histórias com os mesmos títulos dos álbuns originais, só que em forma de romance. O diferencial da série são as belas ilustrações que ocupam várias páginas, indo além de desenhos para se tornar cenas "animadas". Confira algumas imagens (encontradas na internet) e diga se não é irresistível...


A ideia da série partiu do então diretor da editora americana Hallmark, Waldo Hunt, conhecido como o "rei dos Pop-Ups". Depois de ver os primeiros desenhos de Hergé, em 1969, ele sinalizou para o artista belga o interesse em publicar suas criações no formato. Hergé não ficou muito satisfeito com o resultado dos dois primeiros álbuns "Explorando a Lua" e "O Templo do Sol", e não hesitou em enviar suas impressões à Hallmark. Para os próximos números, 'A Ilha Negra" e "O Tesouro de Rackham, o Terrível", o pai de Tintim criou ilustrações inéditas, e encarregou seus coloristas de realizar um trabalho o mais próximo possível da perfeição.

Clique nas imagens para ampliá-las.

A série, publicada em francês e holandês entre 1969 e 1971, contempla apenas seis dos argumentos originais de Hergé. Os títulos, publicados com selo "Rouge et Or", incluem "O Cetro de Ottokar" e "Voo 714 para Sydney".


Em 2008, a Éditions Moulinsart publicou três livros com uma proposta parecida, mas sem o mesmo efeito. Com apenas 12 páginas e imagens retiradas dos álbuns, os títulos escolhidos foram "O Segredo do Licorne", "O Tesouro de Rackham, o Terrível" e "O Caranguejo das Tenazes de Ouro" - coincidentemente ou não, os mesmos álbuns anunciados pouco tempo antes como inspirações para o filme de Steven Spielberg.

 Edições Moulinsart, 2008.

As imagens interativas são um atrativo e tanto para os mais novos, e não menos interessantes para os mais velhos. Nestes tempos de 3D, quem sabe esta aí não seria uma boa ideia para aproximar as crianças da obra de Hergé?
Compartilhe:

Dez desenhos inéditos de Hergé

Coincidentemente, enquanto realizava uma pesquisa sobre a coleção "Pop-Hop", descobri que alguns originais estarão à mostra em uma exposição na Europa, que inclui 10 desenhos de Hergé considerados inéditos, feitos na década de 1970 para a série, mas nunca publicados pela Hallmark.

Nos dias 18 e 19 de maio, das 10h30 às 14h00, em Bruxelas, a livraria Jeu de Bulles apresentá 10 desenhos inéditos criados por Hergé para a série Pop-Hop. A exposição temporária "Pop up" marca a inauguração de um espaço sobre quadrinhos na capital belga - localizado em frente ao Mercado de Pulgas de Bruxelas - e, entre outros itens, apresentará um desenho original em cores de Hergé (imagem acima) e nove ilustrações em preto e branco dos filmes de impressão da época - já que os originais desapareceram. Entre as cenas está uma visita especial - de mais de duas páginas - ao laboratório do Prof. Girassol, produzida para "O Tesouro de Rackham, o Terrível". Três outros desenhos coloridos (clique nas imagens abaixo para ampliá-las) serão apresentados em 8 de junho, em um leilão realizado pela Artcurial.


Clique aqui para ver o soberbo catálogo de itens a ser leiloados; veja mais algumas imagens abaixo (que não fazem parte das inéditas).



:: Um pouco de História: Depois dos primeiros títulos da série Pop-Hop, Hergé continuava interessado em melhorar a qualidade dos álbuns. Em parceria com Byron McKeown, novo diretor criativo da distribuidora, Hergé conseguiu um avanço considerável. Os dois desenvolveram uma amizade tão achegada que, em visita aos Estados Unidos em 1971, o cartunista conheceu a família de McKeown e, a partir daquele ano, incluiu o americano na lista de pessoas que receberiam os cartões especiais dos Studios Hergé, além de lhe enviar alguns álbuns autografados (em inglês). Anos depois, Hergé soube através do amigo que ele ainda possuía uma série aquarelas originais - nunca antes publicadas. Agora elas estão novamente na França, de onde serão apresentadas ao mundo através de um leilão da Artcurial.

Segundo Byron McKeown, vários desenhos eram, de fato, rejeitados pela Hallmark, não por razões de qualidade, mas apenas porque o modelo dos álbuns animados passava por mudanças frequentes até chegar ao resultado final. Como o número de páginas era muito limitado e as histórias um pouco longas, alguns cortes eram inevitáveis. Os desenhos originais desapareceram, exceto aqueles que foram conservados pelo amigo americano de Hergé. 
Compartilhe:

terça-feira, 7 de maio de 2013

Série "Young Reader" ganha novos títulos

A série de quadrinhos de Tintim 'para jovens leitores' ganha esse mês mais 8 títulos, publicados no Reino Unido pela editora Egmont. Originalmente lançada pela Little Brown nos Estados Unidos, a coleção apresenta as aventuras originais desenhadas por Hergé, além de 30 páginas de material extra, com os "bastidores" da produção de cada aventura. Os álbuns ganharam capas mais diferentes, justamente com a intenção de atrair os leitores mais novos.




Para ver mais de cada álbum (incluindo páginas do making of), clique nos links abaixo:
Para os brasileiros que têm interesse na coleção, dá pra folhear alguns exemplares - ou comprar, se preferir, nas Livrarias Cultura.
Compartilhe:

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT