quinta-feira, 12 de maio de 2016

E se Tintim virasse filme nos anos 80?


E se Steven Spielberg tivesse levado adiante a ideia de adaptar Tintim para o cinema nos anos 1980 (ou 1990)? Caso você não saiba, o cineasta manteve contato com Hergé pouco antes do falecimento do quadrinhista belga. Eles estavam prestes a se encontrar para firmar um acordo de adaptação cinematográfica dos álbuns de Tintim pelo diretor de Indiana Jones, mas, infelizmente ocorreu a fatalidade em 3 de março de 1983.

Hergé teria declarado que considerava Spielberg o único diretor capaz de levar sua obra ao cinema. Mas, o que teria acontecido se Tintim chegasse às telonas naquela época? Seria uma animação ou um filme com atores? Qual seria o elenco? E o título? Será que faria sucesso? Sonhar não custa nada...

Animação ou live-action?

Hergé sonhava em levar Tintim para os cinemas através de uma animação feita pelos estúdios de Walt Disney. Porém, a casa do Mickey não mostrou interesse em incluir o repórter a sua fileira de personagens clássicos. Spielberg sempre teve um carinho por animações, tanto é que produziu os nostálgicos "Um Conto Americano" e "Em Busca do Vale Encantado" e ainda cogitou transformar Harry Potter em um longa animado.

Nos anos 80, as chances de um filme com atores reais seriam maiores. Spielberg considerava Tintim um "Indiana Jones para crianças", e a fórmula do sucesso do arqueólogo poderia muito bem ser aproveitada em um longa com o repórter. A história conta, inclusive, que o diretor teria planejado um longa em live-action com Jack Nicholson no papel do Capitão Haddock. Não se sabe quem o cineasta queria para o papel do repórter, mas, com certeza, como Hergé teria dito, "o Tintim (de Spielberg) será sem dúvida outro Tintim, mas será um bom Tintim". Pensando nisso, vamos ao próximo ponto: que ator seria "um bom Tintim"?

O CapitãoHaddock quase foi interpretado por Jack Nicholson
Elenco

Bom, provável que fosse escolhido um ator desconhecido para interpretar o papel principal. Mas, considerando nomes conhecidos que começaram por volta daqueles anos, penso se alguns atores não teriam dado certo no papel de Tintim. Entre eles, Matt Damon ou Leonardo DiCaprio, que vieram a trabalhar com Spielberg, ou meu preferido, River Phoenix, que viveu o jovem Henry Jones Jr em "Indiana Jones e a Última Cruzada" (1989), mas teve uma breve carreira, infelizmente.

Quem seria o melhor Tintim de carne e osso?
Para papéis secundários, teríamos à disposição nomes como Barbra Streisand e Bette Midler, que atuam e cantam, para dar vida e voz a Bianca Castafiore. Bob Hoskins (também pensei em John Cleese) daria um show como a dupla Dupond e Dupont - e sim, o cinema naquela época já tinha tecnologia suficiente para isso. Tanto John Hurt como Ian Holm cairiam muito bem como o Prof. Girassol (eu também pensei no Woody Allen, mas não sei se ele faria, rs). E, a depender do álbum que fosse adaptado, Ben Kingsley encaixaria como uma luva na pele de Rastapopoulos, assim como John Goodman interpretando o Prof. Bergamote (As 7 Bolas de Cristal). Para fechar, os cômicos Joe Pesci e Danny DeVito poderiam disputar os papéis de Serafim Lampião ou do português Oliveira da Figueira.


Qual seria o álbum-título?

Na época, grandes aventuras eram garantia de sucesso nas salas de projeção, então, adaptar a saga "As 7 Bolas de Cristal"/ "O Templo do Sol" seria (e ainda é, diga-se de passagem) uma das melhores opções, assim como "O Caranguejo das Tenazes de Ouro", que tem uma vibe muito Indiana Jones. Se quisesse seguir a linha homem x fera de blockbusters como "Tubarão", "A Ilha Negra" ou "Tintim no Tibete" poderiam ser gratas surpresas para o público.

Com certeza, outros álbuns também dariam grandes clássicos, pois a obra de Hergé tem uma linguagem muito cinematográfica. Se tivesse acontecido - e é uma pena que não aconteceu -, provavelmente algum estúdio estaria agora querendo fazer um reboot ou uma sequência com Tintim mais velho. Mas essa parte deixo por conta de sua imaginação...

Ah, e por último: É claro que isso tudo não passa de uma brincadeira. Mas, especulações à parte, uma coisa seria certeza em um filme de Tintim feito por Spielberg, em qualquer época: a marcante trilha sonora composta pelo gênio John Williams.
Compartilhe:

0 comentários.:

Postar um comentário

Fique à vontade para soltar o verbo, marujo!

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT