COLEÇÃO DE FIGURAS DE TINTIM FINALMENTE NO BRASIL

Todos os detalhes do lançamento da Planeta DeAgostini

ÁLBUNS DE TINTIM EM PRETO-E-BRANCO CHEGAM AO BRASIL

Globo Livros lança réplicas das versões originais de Tintim

ESCUTE AQUI!

Série inédita baseada em "O Lótus Azul" é transmitida no rádio

PELA PRIMEIRA VEZ EM CORES

Veja a capa da nova edição de "No País dos Sovietes"

AS ATADURAS DE TINTIN

Infográfico reúne todas as pancadas que Tintim já levou

TPT ENTREVISTA ISAAC BARDAVID

Assista o bate-papo com o dublador do Capitão Haddock

TPT ENTREVISTA O PRIMEIRO TINTIM DO CINEMA

Jean-Pierre Talbot fala tudo sobre os únicos filmes de Tintim com atores reais

70 ANOS DO JOURNAL TINTIN

Publicações e eventos marcam o aniversário da revista

TPT ENTREVISTA O DUBLADOR DE TINTIM

Oberdan Jr conversa com o blog em vídeo de duas partes. Confira!

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

RESULTADO: Promoção "As 7 Pistas Premiadas"


Depois de uma semana de pistas misteriosas e fãs colocando seu lado Tintim em ação para desvendá-las, o Tintim por Tintim anuncia o resultado da promoção As 7 Pistas Premiadas, uma parceria com a Planeta DeAgostini que vai presentear 7 tintinófilos com as figuras oficiais da coleção recém-lançada no Brasil. Confira abaixo se você foi um dos vencedores e, a seguir, as respostas de cada pista.


Gleice Ap. de Souza
São Paulo, SP

Waleska Cezaretti
Campo Grande, MS

Guilherme J. Menezes
Piracicaba, SP

Carmem Toledo

São Paulo, SP

Karen Watanabe
Campinas, SP

Mateus G. Abreu
Sete Lagoas, MG

Ruan R. S. Moraes
Rio de Janeiro, RJ

Parabéns aos ganhadores! As figuras serão enviadas pela Planeta DeAgostini no endereço que deve ser enviado através do e-mail contato@tintimportintim.com ou via mensagem direta nos perfis do TPT nas redes sociais.

Curta o Facebook, siga Twitter e o Instagram do Tintim por Tintim.

Veja agora cada pista desvendada:


Pista 1: A imagem reuúne pôsteres estilizados dos filmes mais conhecidos de Alfred Hitchcock, além de uma famosa frase do cineasta. A relação entre a imagem e Tintim está em seu criador, Hergé, que faz uma aparição em cada um dos episódios da série da Nelvana. O ícone estava escondido no artigo Participações de Hergé na Série de TV - Parte II.


Pista 2:
Chapéu exótico: confere
Profissão: detetive: confere
Bigodes: não confere...
São poucas as semelhanças entre Sherlock Holmes e Hercule Poirot em relação a Dupond e Dupont, e a genialidade com certeza não é uma delas. Mas, os detetives das aventuras de Tintim parecem idênticos entre si. Será que são gêmeos? A segunda pista foi bem elementar, meus caros. Se você usou bem suas células cinzentas, encontrou o link premiado no artigo Dupond e Dupont - Gêmeos???.


Pista 3: A frase do Capitão Haddock faz muito mais sentido para quem é fã de Tintim. Afinal, quem disse que é fácil? O artigo 5 desvantagens de ser fã de Tintim mostrou como é complicado ser tintinófilo... mas também como a situação muda quando você está ligado no TPT. 


Pista 4: Ah, ela ri, ao se ver tão bela no espelho... A modelo da foto e autora da frase citada é a cantora Maria Callas, ninguém menos que uma das inspirações de Hergé para criar uma de suas personagens mais icônicas. E foi no artigo sobre Bianca Castafiore, o Rouxinol Milanês, que o 4º ícone premiado ficou escondido.


Pista 5: Um Nestor incompleto sendo vigiado... Referência ao álbum nunca finalizado por Hergé com foco no mordomo do Castelo de Moulinsart. "Nestor et la Justice" seria o título de um dos 5 projetos inacabados de Hergé. Se você não tinha encontrado o artigo com o link, aproveite para ler as curiosidades sobre as aventuras nunca concluídas de Tintim...


Pista 6: Há muito tempo, mais precisamente em 1972, o Prof. Girassol criou uma máquina capaz de projetar imagens em 3D idênticas a um objeto real. A cena que ilustra a 6ª pista apareceu no cinema apenas 1977, quando a Princesa Leia enviou uma mensagem em holograma para Obi-Wan Kenobi. Mas essa é outra história... A história que interessa aqui está no artigo Tintim no Cinema: O Lago dos Tubarões.


Pista de Cristal: Considerada a mais difícil de todas (afinal esta vale 3 figuras de Tintim), a última pista faz referência ao texto bíblico de Mateus 22:21: "Dai a César o que é de César". Mas qual a relação de César com Tintim? Bem, na última aventura desenhada por Hergé, o vilão leva o repórter para um destino incerto: ele será transformado em uma estátua, um "César". Esta seria uma referência a César Baldaccini, escultor francês famoso pelas suas esculturas em poliuretano. No blog, este momento - bem como o ícone premiado - aparece entre as páginas coloridas publicadas pela primeira vez em português aqui, mais precisamente no post Tintim e a Alfa-Arte 43.


Mais uma vez parabéns a todos os ganhadores. Vocês fizeram por merecer! E, se pra você ainda não foi dessa vez, não desanime, porque em breve tem mais...
Compartilhe:

domingo, 20 de novembro de 2016

Promoção "As 7 Pistas Premiadas": Tintim por Tintim e Planeta DeAgostini

A Planeta DeAgostini, em parceria com Tintim por Tintim, vai presentear os leitores do blog com 7 kits da Coleção Figuras de Tintim, lançada recentemente no Brasil.


Para concorrer, você deve ficar ligado na página oficial do TPT no Facebook e, assim como nosso herói, usar sua capacidade de dedução para desvendar sete pistas que te levarão a um link premiado. Serão 7 tintinófilos premiados, e você pode ser um deles!

Entenda como será a promoção:
  • O Tintim por Tintim vai divulgar, através do Facebook, 7 dicas - que podem ser frases ou imagens -, em horário não estabelecido, durante 7 dias, entre 22 e 28 de novembro de 2016.
  • Após desvendar a pista, os participantes da promoção devem acessar o blog (www.tintimportintim.com) e buscar uma postagem que julguem estar relacionada. Dentro do artigo correto, haverá um ícone com um link.
  • Ao acessar o link, os participantes devem cadastrar seu nome, cidade e e-mail, e responder a uma pergunta.
  • No total, serão 7 dicas, que levarão a 7 ícones diferentes com 7 links para cadastro.
  • Os 7 premiados serão aqueles que primeiro encontrarem cada ícone e realizarem o cadastro completo, conforme os passos acima. Caso uma mesma pessoa ganhe duas vezes, apenas a primeira será considerada.
  • Seis dos ganhadores receberão 2 (duas) figuras da coleção. Uma das pistas publicadas - a "Pista de Cristal" - dará direito a uma figura a mais para um dos ganhadores, que receberá no total 3 (três) figuras. 
  • As edições serão enviadas via PAC e escolhidas aleatoriamente pela editora Planeta DeAgostini.
  • O concurso é válido apenas para pessoas com endereço de entrega no Brasil. Por tratar-se de um concurso cultural sem fins lucrativos, nenhum valor será cobrado dos participantes.
  • O resultado será divulgado no blog e nas redes sociais do Tintim por Tintim a partir de 29 de novembro.


Nunca foi tão fácil ganhar itens tão valiosos para os tintinófilos. Então, fique ligado, participe e sucesso!
Compartilhe:

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Vem aí: PROMOÇÃO!


Compartilhe:

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Moulinsart lança coleção de figuras "O Museu Imaginário de Tintim"

A Moulinsart anunciou para o fim deste ano o lançamento da coleção "Le Musée Imaginaire de Tintin". Trata-se de uma série de figuras em resina inspirada na exposição de mesmo título que aconteceu em 1979.


Como primeiro número, traz uma réplica do fetiche Arumbaya, estatueta indígena que é o centro das atenções no álbum "O Ídolo Roubado". Com 19,5 cm de altura e 650 gramas, a estatueta vem em uma caixa, acompanhada de um certificado de autenticidade.


A exposição 'O Museu Imaginário de Tintim' ocorreu em junho de 1979, no Centro de Belas Artes de Bruxelas, e reunia objetos míticos com os quais Tintim se depara ao longo de suas aventuras e os objetos reais que inspiraram Hergé. No pôster da mostra, Hergé tentou organizar seus principais personagens passeando em um museu repleto de itens relacionados a sua obra.

O primeiro exemplar está à venda na Boutique Tintin por 75 euros.
Compartilhe:

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Resultado: Concurso Cultural "Eu Mereço um Tintim Original"

O TPT, em parceria com a Globo Livros, realizou um concurso cultural que vai premiar três leitores, cada um com um álbum inédito de Tintim. Réplicas das publicações originais de Hergé, em preto-e-branco, os livros serão enviados para os participantes que acertaram mais respostas primeiro no Quiz. Confira o resultado a seguir e, mais abaixo, as respostas às perguntas do concurso.


Os ganhadores do concurso cultural "Eu mereço um Tintim original são:

Vitoria Medeiros Titton
Porto Alegre, RS

Natalia Marques Abramides
Bauru, SP

Veronica Andrade
Salvador, BA

Parabéns aos ganhadores! Os livros serão enviados pela Editora Globo no endereço que deve ser enviado através do e-mail contato@tintimportintim.com ou via mensagem direta nos perfis do TPT nas redes sociais.

Curta o Facebook, siga Twitter e o Instagram do Tintim por Tintim.

Veja agora as respostas a todas as perguntas do Quiz:

1. A capa do fac-símile de "Tintim na América", lançado no Brasil pela Globo Livros, é uma reprodução da versão do álbum de qual ano?
a) 1932
b) 1937
c) 1945
d) 1970

:: Apesar de ser uma reprodução da história publicada em 1932, o álbum replica a capa da edição lançada em 1937. Esta versão trouxe pela primeira vez as quatro artes coloridas de Hergé para a aventura, que também estão na versão da Globo Livros. Além dessas, "Tintim na América" teve pelo menos mais duas capas diferentes.

2. Qual foi a primeira aventura de Tintim a ser publicada em cores?
a) Tintim no Congo
b) Tintim na América
c) Os Charutos do Faraó
d) O Lótus Azul

:: "Tintim na América" começou a ser publicado em cores na revista "O Papagaio", de Portugal, em 1936. Nem mesmo Hergé havia publicado uma aventura colorida antes da façanha lusitana. Veja a primeira página e saiba mais no especial dedicado ao álbum, publicado aqui.

3. Qual desses nomes pertence a apenas um personagem dos álbuns de Tintim?
a) Gibbons
b) Nestor
c) Miller
d) Tom

:: Há dois Gibbons nas aventuras de Tintim, em "Tintim no Congo" e "O Lótus Azul";
:: Além do mordomo de Moulinsart, há um certo Nestor Halambique que aparece em "O Cetro de Ottokar";
:: Tom é um nome bem frequente nos álbuns de Tintim. Entre os mais relevantes, podemos citar um dos vilões de "Tintim no Congo" (veja aqui), um criminoso em "Tintim na América" e um dos capangas de Allan Thompson em "O Caranguejo das Pinças de Ouro" e em "Os Charutos do Faraó".
:: Sendo assim, Miller - não Müller, como o doutor da Ilha Negra - é o único dos personagens mencionados que não divide seu nome com outro. Ele é um vilão em "Rumo à Lua" e "Explorando a Lua".

4. A aula de geografia da versão original de "Tintim no Congo" foi substituída por uma aula de qual matéria na revisão do álbum?
a) História
b) Matemática
c) Francês
d) Artes

:: A polêmica aula de geografia foi substituída por uma aula de matemática, onde Tintim tenta colocar na cabeça dos pequenos congoleses que dois mais dois são quarto. Mais detalhes no especial sobre o álbum, publicado aqui.


5. Qual foi o primeiro álbum a ser traduzido para outro idioma?
a) No País dos Sovietes
b) Tintim no Congo
c) Tintim na América
d) Os Charutos do Faraó

:: A revista portuguesa "O Papagaio" foi pioneira em levar Tintim para um idioma não francófono. "Tim-Tim na América do Norte" foi o título dado à primeira aventura traduzida por Adolfo Simões Müller, inicialmente sem conhecimento de Hergé. O criador de Tintim não teria gostado de algumas modificações na HQ, como a adaptação do nome do repórter. Será que ele gostou do nome de Milu, que passou a se chamar Rom-Rom?

6. Quais personagens de Hergé aparecem no quadrinho inicial da primeira versão de "Tintim no Congo"?
a) Dupond e Dupont
b) Quick e Flupke
c) Jo, Zette e Jocko
d) Popol e Virginie

:: Quick e Flupke são os únicos personagens conhecidos de Hergé a fazer uma aparição no primeiro quadrinho da versão original de "Tintim no Congo". Na versão colorida, além da dupla de pestinhas de Bruxelas, aparecem também os detetives Dupond e Dupont.


7. O vilão Rastapopoulos nunca cometeu um desses crimes, pelo menos em um álbum de Tintim. Qual?
a) Falsidade ideológica
b) Sequestro
c) Falsificação de dinheiro
d) Tráfico de drogas

:: Rastapopoulos troca de identidade em "Perdidos no Mar" (e, teoricamente, em "Tintim e a Alfa-Arte"), sequestra o milionário Laszlo Carreidas em "Voo 714 para Sydney" e é um dos chefes do tráfico em "O Lótus Azul", só para citar alguns crimes do vilão. Mas, pelo menos de falsificação de dinheiro ninguém pode culpá-lo, até que se prove o contrário. Confira a ficha criminal do personagem aqui.

8. Qual foi o primeiro álbum de Tintim publicado pela Casterman?
a) O Lótus Azul
b) Os Charutos do Faraó
c) O Ídolo Roubado
d) O Cetro de Ottokar

:: Diferente dos primeiros álbuns, que foram publicados pelas Éditions du Petit Vingtième, "Os Charutos do Faraó" marcou o início da parceria de Hergé com a Casterman, editora que detém os direitos de publicação dos álbuns até hoje.

9. Qual personagem estreou na versão original de "Os Charutos do Faraó"?
a) Allan Thompson
b) Capitão Haddock
c) Oliveira da Figueira
d) Omar Ben Salaad

:: Allan Thompson estreou em "O Caranguejo das Tenazes de Ouro", mesmo álbum que apresentou o Capitão Haddock e Omar Ben Salaad. O mercenário só foi inserido na versão revisada de "Os Charutos do Faraó". Oliveira da Figueira apareceu no álbum como um vendedor de quinquilharias desde a primeira versão.

10. Qual o álbum mais vendido de Tintim de todos os tempos?
a) Tintim no Congo
b) Tintim na América
c) O Segredo do Licorne
d) Explorando a Lua

:: Por mais incrível que possa parecer, "Tintim na América" é o álbum de Tintim mais vendido, seguido por "Tintim no Congo" e "Explorando a Lua". A informação é do site oficial de Tintim

Mais, uma vez, parabéns aos ganhadores. Vocês merecem um Tintim original!

Se pra você ainda não foi dessa vez, não desanime. Em breve tem mais concursos no Tintim por Tintim!
Compartilhe:

terça-feira, 18 de outubro de 2016

"O Lótus Azul" ganha adaptação para o rádio - Escute aqui!

Depois de "Os Charutos do Faraó", agora é a vez de sua continuação, "O Lótus Azul", ganhar uma versão radiofônica. A rádio France Culture transmite, a partir do próximo dia 24/10, os cinco episódios da série baseada no 5º álbum de Tintim.


Assim como na primeira adaptação, transmitida em fevereiro, "O Lótus Azul" terá o acompanhamento da trilha sonora da Orquestra Nacional da França, com música original de Olivier Daviaud e regência de Didier Benetti. O roteiro foi adaptado por Katel Guillou, e a direção é de Benjamin Abitan. Os episódios serão transmitidos entre 24 e 28 de outubro pela France Culture, e poderão ser ouvidos em todo o mundo através do site da rádio.

A história começa com Tintim no palácio do marajá de Rawajpoutalah, depois de desmantelar uma poderosa organização de traficantes de drogas. Após receber uma estranha visita, o repórter vai para Xangai, onde se envolve em um conflito político-econômico entre chineses e japoneses. O álbum foi publicado originalmente entre agosto de 1934 e outubro de 1935, nas páginas do Le Petit Vingtième, e é considerado uma obra prima de Hergé.

Este artigo será atualizado à medida que os episódios forem disponibilizados online. Confira abaixo:

EPISÓDIO 1/5 - 24/10


EPISÓDIO 2/5 - 25/10


EPISÓDIO 3/5 - 26/10


EPISÓDIO 4/5 - 27/10


EPISÓDIO 5/5 - 28/10

Compartilhe:

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Divulgada a capa da versão colorida de "Tintim no País dos Sovietes"

O primeiro álbum de Tintim, "Tintim no País dos Sovietes", vai ganhar uma versão colorida. Isso você já ficou sabendo aqui. Mas, agora, a Casterman revela a capa oficial da edição inédita da aventura de estreia do repórter e seu fiel Milu. Com lançamento marcado para 11 de janeiro de 2017, um dia depois do aniversário de 88 anos de Tintim e meses antes do centenário da Revolução Russa, a edição terá tiragem limitada e numerada.


O álbum será revelado ao público durante a Feira do Livro de Frankfurt, que começa no dia 19 de outubro. Segundo o comunicado oficial da Casterman e Moulinsart, "os editores escolheram uma imagem particularmente representativa da ação desta primeira aventura de Tintim. ... Esse desenho dinâmico prefigura, pelo seu movimento e estilização, o tom que o autor daria mais tarde às aventuras de Tintim".

Considerado pelo próprio criador como um dos erros de sua juventude, "No País dos Sovietes" foi o único álbum que Hergé jamais publicou em cores. Para não dizer que esta é uma iniciativa totalmente inédita, uma única edição do Le Petit Vingtième trouxe duas páginas coloridas pelo autor. Confira:


O tom da capa divulgada confirma a declaração de Benoît Mouchart, diretor editorial da Casterman, quando disse que "uma página de teste foi mesmo realizada, com cores mais sépias". A imagem está dividindo opiniões entre os fãs, mas os editores garantem que "esta nova versão faz justiça à legibilidade da narrativa dos desenhos de Hergé".

Curiosidade: A imagem de capa retrata a primeira cena em que Tintim aparece de topete.
Compartilhe:

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Coleção Oficial de Figuras de Tintim é lançada no Brasil

A Planeta DeAgostini anuncia o lançamento da primeira Coleção Oficial de Figuras de Tintim no Brasil. Criada pela Moulinsart e distribuída pela Altaya, a coleção já teve uma rápida passagem pelo Brasil, apenas em fase de teste, durante o ano passado. Agora, as desejadas figuras chegam ao país em tiragem limitada, com reproduções fiéis dos principais personagens de Hergé.


Sobre a coleção

A edição original, lançada na França, contou com 111 fascículos, acompanhados de livro e passaporte numerado. A edição espanhola já passa do 45º fascículo. Já a versão portuguesa, ainda em andamento, está prevista para ser concluída no 60º volume. Será que o Brasil vai seguir o mesmo ritmo?

Por enquanto, a versão brasileira da coleção contará com 29 figuras de polirresina com 12 cm de altura, todas acompanhadas de um livro inédito em capa dura com informações sobre cada personagem retratado. No site oficial da Planeta DeAgostini há uma prévia de um dos volumes, que trazem uma análise detalhada das aventuras de Tintim e do processo de produção da estatueta, além de imagens e documentos de arquivo históricos nunca antes publicados. Todos os livros estão em português de Portugal.

Os fascículos serão lançados nas bancas quinzenalmente a partir de 18 de outubro. O primeiro custará R$ 19,99, o segundo, R$ 34,99 e, a partir do terceiro até o último fascículo, R$ 52,99 (valor sujeito a alteração, com aviso prévio). Os primeiros volumes, com lançamento programado até 03 de janeiro, serão: Tintim, Capitão Haddock, Milu, Prof. Girassol, Oliveira da Figueira e Mitsuhirato. Ou seja, a coleção inicialmente não segue a mesma ordem de Portugal.


Assinatura

Já está disponível o serviço de assinatura através do site da editora. Para assinantes, o valor de cada edição (fascículo + peças) é R$ 52,99. Você não paga a coleção toda de uma vez; a cobrança é feita através de cartão de crédito e o pagamento é feito de acordo com as entregas. O envio é realizado após cada cobrança no cartão.

Os assinantes terão direito a uma fantástica litografia de 97 x 16,6 cm, com os principais personagens de Hergé, além de um brinde exclusivo: uma figura em preto e branco em edição limitada, baseada em uma cena de "Tintim no Congo". Caso os brindes se esgotem, a editora garante substituí-lo por outro de características iguais ou superiores.


Assinantes ganham desconto especial de 40% no primeiro envio, composto pelas edições 1, 2 e 3. Os envios 2 a 4 seguem com 2 edições cada. Os demais envios seguem com 3 edições cada um. Os brindes seguem ao longo da coleção, caso a assinatura esteja ativa no momento dos envios. A entrega será feita pelos Correios, com frete grátis para todo o Brasil, e o assinante recebe todas as edições que foram veiculadas durante o período nas bancas. Ainda não há informação sobre a periodicidade do lançamento em banca.

Imagina essa figura em sua prateleira ao lado do fac-símile de Tintim no Congo!
  • Perguntas frequentes

O TPT preparou um FAQ com as principais dúvidas dos leitores. Confira a seguir as respostas da Planeta DeAgostini:

  • Qual a periodicidade do lançamento em bancas? Quinzenal.
  • Quando a coleção chegará às bancas de jornal? No dia 18 de outubro.
  • Qual o valor da assinatura? O assinante paga pela quantidade de fascículos que forem entregues no mês(R$ 52,99 cada). A cobrança é feita pelo cartão de crédito cadastrado.
  • Quantas edições serão entregues por vez? Algumas entregas terão 2 (dois) fascículos, mas a maioria delas contará com 3 (três) edições por mês. O assinante será cobrado apenas pela quantidade recebida mensalmente.
  • Qual a diferença entre as edições 1, 2 e 3 presentes no campo de assinatura do site? As edições de assinatura são as mesmas de banca. Caso alguém tenha comprado o primeiro fascículo em banca, pode assinar a partir da edição 2, e receberá a partir do segundo fascículo; e assim sucessivamente.
  • Há algum desconto para assinantes? Sim. 40% de desconto na primeira entrega (edições 1, 2 e 3). O preço normal dos três fascículos por assinatura seria R$ 158,97. Com o desconto, cai para R$ 94,99.
  • Posso cancelar a assinatura a qualquer momento? Sim. Entre em contato com o SAC: sac@planetadeagostini.com.br ou (011) 2171-7100.
  • O lançamento vai chegar às bancas da minha cidade? Confira a relação de cidades no site da editora, clicando aqui.
Se vai ter promoção no blog? Quando não?
Compartilhe:

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Concurso Cultural "Eu mereço um Tintim original" - TPT & Globo Livros


A Globo Livros, em parceria com o Tintim por Tintim, lança uma promoção que vai presentear verdadeiros tintinófilos com álbuns mais que especiais! Para concorrer, você deve responder às 10 perguntas do quiz abaixo e mostrar que merece levar para casa um exemplar dos álbuns com as HQs originais de Tintim, recém-lançados no Brasil: Tintim no Congo, Tintim na América e Os Charutos do Faraó.


Saiba mais: Globo Livros lança série de fac-símiles inéditos de Tintim no Brasil

Os três concorrentes que alcançarem a maior pontuação em menos tempo receberão, cada um, um dos álbuns da coleção de fac-símiles de Tintim, publicados pela Globo Livros Graphics. Preencha o formulário abaixo até 24/10 e participe. Leia o regulamento completo mais abaixo.




Regulamento:
  • Concurso cultural sem fins lucrativos realizado pelo blog www.tintimportintim.com em parceria com a editora Globo Livros.
  • Válido apenas para pessoas com endereço de entrega no Brasil.
  • O participante deve preencher o formulário com nome completo, e-mail, cidade, estado e link com perfil nas redes sociais. O preenchimento incompleto resultará na eliminação imediata.
  • Caso um participante realize cadastro mais de uma vez, apenas a primeira será considerada válida.
  • Serão válidas as inscrições realizadas até 24 de outubro de 2016, às 23h59.
  • Os três primeiros participantes que acertarem o maior número de respostas ganharão, cada um, um exemplar de um dos livros "Tintim no Congo", "Tintim na América" ou "Os Charutos do Faraó", que serão enviados aleatoriamente.
  • Os três vencedores serão anunciados no blog e/ou redes sociais, e deverão informar o endereço completo para o Tintim por Tintim através de mensagem ou e-mail dentro de 72 horas. Caso não o façam, o participante com colocação subsequente será contemplado, e assim sucessivamente.
  • Os livros serão enviados pela editora Globo.

Ainda não participou? Não perca essa chance e prove que você merece um Tintim original!
Compartilhe:

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Exposição sobre Hergé no Grand Palais de Paris ganha trailer - e mais detalhes


Uma mega exposição dedicada a Hergé será inaugurada no Grand Palais de Paris em 28 de setembro. Palco de grandes eventos culturais, o edifício abrigará uma mostra sobre o criador de Tintim até 15 de janeiro de 2017, que incluirá a exibição de filmes e documentários, conferências e workshops. No trailer a seguir podemos ver que a exposição não focará apenas em Tintim, mas também em outras criações do artista belga.


A festa de abertura acontecerá na noite de 1º de outubro, com a presença da fanfarra Zébaliz no papel da fanfarra de Moulinsart. Entre outros destaques, no dia 05/10 haverá uma conferência com Benoît Mouchart, diretor editorial da Casterman, que detém os direitos de Tintim, e Benoît Peeters, biógrafo de Hergé e primeiro professor de doutorado em quadrinhos do mundo. Em 14/11, na programação "Les Lundis du Grand Palais", ocorrerá um debate sobre o papel das mulheres na obra de Hergé. No dia 20 de novembro, "Tintin à l'Opéra" apresentará as árias de óperas que aparecem nos álbuns de Hergé, como La gazza ladra, Toreador e a ária das Jóias, a favorita de Bianca Castafiore.

A exposição também apresentará filmes e documentários, como o recente "Hergé, à l'ombre de Tintin", que estreou recentemente na TV francesa e será lançado em DVD em outubro. Dirigido por Hugues Nancy, o documentário utiliza material de arquivo dos Studios Hergé e da Moulinsart para contar a história do criador de Tintim. A produção foca na complexidade de Hergé, um homem atormentado que foi consumido por seu trabalho, preocupado com a espiritualidade e obcecado com a perfeição, como destaca o site Tintin.com.

Para marcar o evento, será lançado um álbum de fotos da exposição (9,90 euros) e um catálogo em duas versões: edição padrão (35 euros) e edição de luxo limitada e numerada, com caixa de colecionador exclusiva contendo o catálogo e uma litografia original (250 euros). 

Mais detalhes no site oficial da exposição, que vem trazendo uma série de artigos que destacam as várias facetas de Hergé. O folheto com a programação pode ser baixado aqui.
Compartilhe:

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Globo Livros lança fac-símiles de Tintim no Brasil

A Globo Livros acaba de lançar, pela primeira vez no Brasil, uma coleção de fac-símiles dos álbuns de Tintim. O selo Graphics, que já trouxe ao Brasil os dois volumes integrais de Quick e Flupke, publica a série com o título As Aventuras de Tintim, o Repórter, tal como era feito pela Casterman nos primeiros anos de vida de Tintim.

Tintim no Congo, Tintim na América e Os Charutos do Faraó são os primeiros títulos a ganhar o formato especial no país, reproduzindo suas edições originais da década de 1930, em preto-e-branco e capa dura. Confira a sinopse de cada álbum:


Em Tintim no Congo [120 páginas], o jornalista e seu cão Milu desembarcam no antigo Congo Belga, na África, para realizar uma série de reportagens. Além de enfrentarem os perigos da selva, os dois encaram um perigoso bandido que está tentando expandir seus negócios de diamantes na região. Esta é uma edição fac-similar da série As aventuras de Tintim, lançada pela primeira vez em 1931.


Em Tintim na América [140 páginas], a dupla desembarca em Chicago para deter os homens de Al Capone. Após descobrir o paradeiro dos bandidos, Tintim e Milu vão parar em uma tribo de peles-vermelhas, e o encontro com os nativos americanos não será nada amigável. Esta é uma edição fac-similar da série As aventuras de Tintim, lançada pela primeira vez em 1932.


Em Os Charutos do Faraó [140 páginas], Tintim e Milu vão em busca da tumba perdida do faraó Kih-Oskh. Logo após a descoberta, percebem que ela na verdade é uma fachada para uma sociedade secreta de traficantes internacionais que escondem misteriosos charutos em sua base. Para mandá-los para trás das grades, Tintim e seu companheiro precisarão de uma boa dose de coragem e sorte. Esta é uma edição fac-similar da série As aventuras de Tintim, lançada pela primeira vez em 1934.

Com tradução de Erico Assis, os álbuns já estão à venda, por R$ 59,90 cada. Ainda não há informação sobre o lançamento de "No País dos Sovietes", primeiro volume da série, mas o TPT noticiou recentemente que o álbum será relançado em cores no ano que vem. Será que a nova versão também chegará por aqui?

Compartilhe:

domingo, 11 de setembro de 2016

"O Caso Girassol" ganha edição especial de 60 anos

Em 2016, o décimo oitavo álbum de Tintim, "O Caso Girassol", completa 60 anos desde sua primeira publicação. Lançada originalmente na revista Tintin a partir de 1956 com o título "L'Affaire Tournesol", a aventura ganhará uma edição especial de aniversário no dia 2 de novembro. Confira a seguir a foto da capa e mais detalhes sobre a edição de luxo.

Na história, o Prof. Girassol desenvolve uma máquina de ultra-som que destrói objetos de vidro. Se cair nas mãos erradas, a invenção pode ser usada como uma perigosa arma de guerra. Durante uma viagem à Suiça para encontrar outro estudioso, o professor é perseguido por agentes secretos, que querem obter os planos do poderoso invento. Tintim e o Capitão Haddock entram em cena, temendo que seu amigo esteja em perigo. Mas, a essa altura, ele já está nas mãos da Bordúria...


"O Caso Girassol" se passa em clima de Guerra Fria, retratando a oposição entre os blocos comunista e capitalista. É considerado uma obra-prima técnica de Hergé, que viajou à Suíça para registrar dezenas de referências que mais tarde viriam a se tornar retratos praticamente perfeitos de locações reais. Cenários como a casa do professor Topolino, em Nyon, e o hotel Cornavin, em Genebra, hoje são parada obrigatória para os tintinófilos de passagem pela Suíça.

Sobre a Edição Especial

Com tiragem numerada e limitada a 7.777 exemplares, a edição de aniversário de "O Caso Girassol" já está em pré-venda pela Amazon francesa, custando 49 euros. Não há informação sobre o lançamento em outros idiomas.

A edição de luxo terá uma sobrecapa em acrílico vazado, reproduzindo o formato da janela quebrada que ilustra a capa tradicional. Esta foi uma ideia do próprio Hergé, que propôs ao editor (em uma carta de 11 de janeiro de 1956) que a capa fosse coberta por um plástico transparente em alto relevo, dando a ilusão de vidro quebrado. Infelizmente, o projeto não foi aprovado. Felizmente, para alguns, a ideia vai finalmente sair do papel, 60 anos depois.


Fonte: tt.info, via Patrice G. & Le Cercle Archibald.
Compartilhe:

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Página original de "Perdidos no Mar" será leiloada em Hong Kong


A Artcurial realiza em outubro mais um leilão contendo itens relacionados à Hergé. No dia 03/10, em Hong Kong, acontecerá a venda "From Paris to Hong Kong". Entre os lotes estarão artes originais de Hergé, sendo o principal destaque uma página original de "Perdidos no Mar", desenhada a lápis por Hergé. O valor fica estimado entre US$ 200 e 250 mil.

Original da página 58 do álbum "Perdidos no Mar" vai a leilão
Um desenho original de Tintim, em tinta indiana e aquarela, tem estimativa de venda de US$ 70 a 75 mil. A arte retrata o repórter sentado lendo livros sobre piratas, com uma âncora ao fundo. No verso, há um bilhete assinado pelo autor, datado de 1943. O desenho foi publicado na capa da revista Les Amis d'Hergé nº 59, em 2015.

Esboço foi criado para ilustrar papel de parede

Os compradores encontrarão também 10 cartões postais pintados pelos Studios Hergé em 1967. Desenhado a lápis e aquarela sobre papel, um esboço original de Dupond e Dupont disfarçados, baseado no álbum "O Lótus Azul", está avaliado entre US$ 10 e 15 mil euros.

O leilão também reúne itens assinados por Moebius, Enki Bilal e André Franquin. Uma página original de "La Marque Jaune", álbum publicado em 1956 por Edgar P. Jacobs, está avaliada entre US$ 140 e 190 mil.

O catálogo completo do leilão está disponível neste link. Via tt.info.
Compartilhe:

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Tintim no País dos Sovietes ganhará versão colorida em 2017

ATUALIZAÇÃO 17/10/3016: Divulgada a arte de capa da nova versão do álbum. Veja mais abaixo.

O aniversário de 88 anos de Tintim promete. "Tintim no País dos Sovietes", a primeira aventura do repórter, deve chegar às livrarias de uma forma bem diferente: em cores. O álbum, publicado originalmente em preto-e-branco nas páginas do Le Petit Vingtième, será relançado pela Casterman possivelmente em 11 de janeiro, no centenário da Revolução Russa.


As conversas sobre uma reedição colorizada do álbum começaram há bastante tempo. Em 2004, durante um debate com especialistas em banda desenhada, Nick Rodwell, administrador da Moulinsart, afirmou que "testes de coloração interessantes foram feitos", e citou como possibilidade um lançamento em e-book. Segundo ele, "colorir 'Sovietes' pode ser considerado uma evolução natural", mais de trinta anos após a morte de seu autor. Na mesma época, Benoît Mouchart, diretor da Casterman, confirmou que "este é um projeto oficial e tem o apoio da Moulinsart. Uma página de teste foi mesmo realizada, com cores mais sépias". Apesar de um pouco cético no início, Mouchart considerou o teste "um verdadeiro sucesso", mas não divulgou o cronograma de lançamento.
Arte de capa divulgada pelo perfil oficial da Moulinsart no Instagram. 17/10/2016.
Na Amazon francesa, a versão inédita foi disponibilizada recentemente para pré-venda, com data de lançamento marcada para 11 de janeiro de 2017, um dia após o aniversário de Tintim. Talvez para despistar, o título foi ocultado, mas as referências e o texto do link indicam que trata-se mesmo do aventura colorizada do repórter do Le Petit Vingtième na Rússia soviética. Com 140 páginas, a edição deve ser limitada, custando em torno de € 150,00. Além da edição numerada, uma monografia assinada por Philippe Goddin deve ser publicada pelas Éditions Moulinsart. Ainda não há confirmação da Casterman, nem previsão de lançamento em outros idiomas.

Versões piratas foram as primeiras a dar cores para o álbum "Tintim no País dos Sovietes".


"Tintim no País dos Sovietes", aventura de estreia de Tintim e Milu, foi publicado com grande sucesso a partir de 1929, nas páginas do suplemento infantil do Le Vingtième Siècle. A versão em álbum, similar à que conhecemos hoje, foi lançada pela Casterman em 1930. Rodeado de polêmicas, o álbum nunca foi colorido ou redesenhado por Hergé, que chegou a impedir sua reedição por décadas. No Brasil, o volume foi editado pela primeira em 2008, pela Companhia das Letras.

:: Em tempo: o álbum "O Caso Girassol" ganhará uma edição especial de aniversário em novembro.

Fontes: tt.info; Edition-Limitee.
Compartilhe:

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

70 anos da Revista Tintin é marcado por lançamentos e comemorações

Em 26 de setembro de 1946, nascia na Bélgica o Journal Tintin. Criada por Raymond Leblanc, a revista foi uma vitrine para grandes artistas da banda desenhada francófona, como Jacques Martin (Alix) e Edgar P. Jacobs (Blake e Mortimer), antigos colaboradores de Hergé. Personagens icônicos dos quadrinhos franco-belgas, como Corentin, Michel Vaillant, Humpá-Pá, Bruno Brazil e Ric Hochet, passaram pela publicação semanal, que chegou ao fim em 1988. Mesmo após seu encerramento, a revista Tintin continua sendo lembrada pelo que representou para os quadrinhos europeus. Agora ela celebra 70 anos desde seu lançamento e, como você vai ver a seguir, esta data não vai passar em branco.

Para começar, a revista Paris Match lançou em agosto um exemplar especial intitulado La Saga du Journal Tintin. Editada por Philippe Clerget, a publicação traz uma série de artigos escritos por um time de redatores e jornalistas e historiadores especializados em quadrinhos, como Philippe Goddin, Serge Tisseron, Jacques Langlois e Dominique Maricq. Com 116 páginas recheadas de conteúdo e ilustrações, o preço é até modesto: € 6,90.


Outra publicação que dedicou uma edição ao aniversário do Journal Tintin foi a revista Kaboom. Conhecida como "magazine de bande dessinée, o 16º número da revista trimestral traz 100 páginas, incluindo o dossiê "Le Mystère de la Ligne Claire", que redescobre a obra de Hergé através de entrevistas com autores influenciados pelo pai de Tintim, como Charles Burns, Joe Daly e Jooste Swarte. O especial também resgata uma entrevista de Benoît Mouchart com Michel Greg, roteirista da revista Tintin, datada de 1997. Preço: € 7,95.



A comemoração também rendeu um livro, La Grande Aventure du Journal Tintin, publicado pela Le Lombard em parceria com a Éditions Moulinsart em 26 de agosto. O volume conta com 777 páginas, que incluem reproduções de capas, ilustrações e quadrinhos (alguns deles nunca publicados em álbuns) que brilharam ao longo dos 42 anos da revista. Nos dias 2 e 3 de setembro, 50 autores do Lombard estarão presentes no Festival de BD de Bruxelas para participar de debates e exposições sobre o tema. O exemplar custa € 49,00.


Conforme citado no último parágrafo, de 2 a 4 de setembro ocorre em Bruxelas, Bélgica, a Fête de la BD de Bruxelles. O evento anual reúne fãs de banda desenhada de todo o mundo na capital dos quadrinhos, que ganha ainda mais cores com sua grande parada de balões, jogos, mostras e ações em homenagem à BD. No domingo, 04/09, o destaque é o tradicional Rally du journal Tintin, que contará com mais de 80 carros e motos que apareceram nas páginas da revista. Confira um teaser a seguir.


Não para por aí: a revista para os jovens dos 7 aos 77 anos também ganhou outra homenagem especial pelo seu septuagenário. A  Bpost lançou no dia 22/08 uma série de 5 selos baseados em capas do Journal Tintin. Para os BDéfilos filatelistas, uma boa notícia: a folha de selos está disponível para compra online neste link.


A cereja do bolo desta comemoração talvez seja uma grande exposição em homenagem a Hergé no Grand Palais de Paris. Mas isso é assunto para outro artigo...

:: Em tempo: Para saber mais sobre a história do Journal Tintin, e também sobre sua versão brasileira, confira um artigo do TPT sobre o assunto clicando aqui.

Com informações do BDZoom, Tintin.com, .
Compartilhe:

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT