sábado, 13 de abril de 2013

Além de Tintim: Segredo de Família

Um jovem ruivo em busca de antiguidades. Um mercado de pulgas localizado em uma cidade europeia. Uma história que se passa em meio à Segunda Guerra Mundial. Aliás, uma história em quadrinhos, desenhada no estilo conhecido como "linha clara".

Eu poderia estar falando de Tintim, mas não estou. A descrição acima refere-se ao álbum "Segredo de Família", do holandês Eric Heuvel, que narra os fatos que marcaram a Segunda Guerra sob a ótica de uma garota chamada Helena. Lançado no Brasil pela Companhia das Letras através do selo "Quadrinhos na Cia", a obra consegue dar um tom envolvente a acontecimentos reais daquele período deplorável da história humana.

Desde a ascensão de Hitler até a queda da Alemanha, acompanhamos a trajetória de Helena, uma jovem holandesa que presencia a perseguição aos judeus, a crise econômica que abala a Europa e a posição da Holanda no confronto internacional - inicialmente neutra mas, com o tempo, colaboracionista. A família de Helena é um retrato da realidade da época. Vemos ali a oposição natural aos nazistas, a solidariedade aos perseguidos, bem como a simpatia de alguns ao autoritário governo alemão. Entendemos também a posição de figuras como o chefe de família, que são obrigadas a colaborar para continuar tendo como sustentar a casa. Isso tudo sem julgar as atitudes e decisões dos personagens, mas revelando seus diferentes pontos de vista numa narrativa ágil e clara,  regada a algumas doses de drama e poucas de um humor sutil. 

A história de guerra gira em torno da amizade entre Helena e sua amiga, Esther, uma judia alemã que foge dos nazistas com sua família. Todo o relato é narrado por Helena, agora avó de Jeroen, o menino da capa. O caso lembra a personagem da vida real Anne Frank, jovem alemã de origem judaica que escreveu um diário sobre os difíceis dias que antecederam sua morte. O livro, inclusive, é publicado em parceria com a Fundação Casa Anne Frank, e foi publicado com o objetivo de ajudar os jovens a conhecer o passado de seu país. Em vista da forma dinâmica e atrativa como a trama é apresentada, arrisco sugerir que ela seja utilizada por escolas em todo o mundo nas aulas de História, pois cumpre muito bem seu objetivo.

Quer comprar o livro? Clique aqui.

Sobre o autor: Eric Heuvel, nascido em Amsterdã em 1960, se interessa pelo tema Segunda Guerra Mundial desde os 10 anos de idade. Inspirado pelo trabalho de artistas como Hergé, criou várias HQs, entre elas as aventuras de January Jones, personagem feminina que tem traços de Tintim e Indiana Jones. Apesar de ter uma obra extensa, "Segredo de Família" é apenas a segunda criação de Heuvel a ser publicada no Brasil - a primeira foi "A Busca", que retrata o mesmo período histórico. Para saber mais, acesse a página oficial do artista, clicando aqui.
Compartilhe:

Um comentário:

Fique à vontade para soltar o verbo, marujo!

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT