COLEÇÃO DE FIGURAS DE TINTIM FINALMENTE NO BRASIL

Todos os detalhes do lançamento da Planeta DeAgostini

ÁLBUNS DE TINTIM EM PRETO-E-BRANCO CHEGAM AO BRASIL

Globo Livros lança réplicas das versões originais de Tintim

ESCUTE AQUI!

Série inédita baseada em "O Lótus Azul" é transmitida no rádio

PELA PRIMEIRA VEZ EM CORES

Veja a capa da nova edição de "No País dos Sovietes"

AS ATADURAS DE TINTIN

Infográfico reúne todas as pancadas que Tintim já levou

TPT ENTREVISTA ISAAC BARDAVID

Assista o bate-papo com o dublador do Capitão Haddock

TPT ENTREVISTA O PRIMEIRO TINTIM DO CINEMA

Jean-Pierre Talbot fala tudo sobre os únicos filmes de Tintim com atores reais

70 ANOS DO JOURNAL TINTIN

Publicações e eventos marcam o aniversário da revista

TPT ENTREVISTA O DUBLADOR DE TINTIM

Oberdan Jr conversa com o blog em vídeo de duas partes. Confira!

sábado, 29 de dezembro de 2012

Tintim x Sherlock Holmes


O que Tintim e Sherlock Holmes têm em comum? São dois personagens que ficaram marcados na literatura mundial através de suas aventuras cheias de ação e suspense, você diria. Ou: duas figuras com uma brilhante capacidade de resolver mistérios. Também... mas não é só isso. O repórter criado por Hergé e o detetive imaginado por Conan Doyle têm uma ou outra semelhança a mais. E aqui você vai ver algumas coincidências entre as duas clássicas séries, pequenos detalhes que valem a pena ser notados...

Compartilhe:

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Pato Donald e o Lótus Azul

O artista italiano Corrado Mastantuono é, definitivamente, um fã de Tintim. Depois de criar uma história em quadrinhos estrelada pelo Pato Donald com a participação de um sósia do personagem de Hergé (veja aqui), o cartunista criou uma arte de capa que mais uma vez homenageia as aventuras do repórter belga.

Desta vez o desenho faz referência à capa de um dos álbuns mais populares da série, "O Lótus Azul", trazendo o Pato Donald na pose clássica de Tintim, além do Tio Patinhas e dos sobrinhos Huguinho, Zezinho e Luisinho. Uma versão a corda de Milu também aparece. Veja a bela imagem abaixo.


A ilustração está na galeria de artes inéditas do site oficial do cartunista (clique aqui para acessar). Quem sabe ela não sairá junto com uma nova HQ trazendo Tantã, Limu e companhia?!
Compartilhe:

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Tintim subirá aos palcos no Irã

O diretor iraniano Arvand Dashtaray planeja levar aos palcos de Teerã, Irã, uma adaptação teatral baseada na série de álbuns "As Aventuras de Tintim", informou a agência de notícias MEHR. A peça, assinada pelo dramaturgo local Mohammad Charmshir, não seguirá o enredo de nenhum álbum específico, mas sim o roteiro original chamado "Tintim e o Segredo do Castelo de Moundas" (em livre tradução).

Atualização: Veja abaixo o primeiro cartaz oficial da peça, e conheça sua página no Facebook clicando aqui.


O diretor declarou que desde cedo se interessou pelos livros de Tintim. "Todas as suas aventuras e sua curiosidade tiveram muita influência sobre mim, e queria pagar minha dívida de gratidão com Hergé", afirmou.

Com previsão de estreia para fevereiro de 2013, a peça será realizada pelo Iranian Artists Forum, do teatro Iranshahr. O elenco conta com os atores Saeid Changizian (Tintim), Hasan Majooni (Capitão Haddock), Kazem Sayahi (Prof. Girassol) e Sahar Dolatshahi (Bianca Castafiore). Agora resta uma dúvida: a Moulinsart está ciente de tudo isso?


:: Um pouco de História: Tintim chegou ao Irã em 1971, com o álbum "No País do Ouro Negro" (Jazirehe Siah), publicado pela Entesharate Universal e seguido por mais 12 álbuns da série. eram livros de capa dura, com excelente qualidade de impressão e tradução. Depois da revolução islâmica de 1979, os álbuns foram vistos como propaganda ocidental, e por este motivo a editora fechou as portas. Nos anos 1980, uma nova coleção (não autorizada pela Casterman) chegou ao mercado iraniano, com qualidade muito inferior às edições da década passada. Em poucos anos, todos os álbuns foram traduzidos para o idioma persa, passando por várias editoras diferentes, até serem proibidos pelo governo.


Anos se passaram e Tintim ficou esquecido até surgir, na década de 1990, o desenho animado produzido pela Nelvana, e exibido no país pela TV estatal. Os episódios foram devidamente editados para se adequarem às leis vigentes. Com a popularidade da série em alta, os álbuns voltaram às prateleiras, mas todas as referências ao álcool ou sexualidade foram censuradas (veja um exemplo aqui). Muitas traduções novas surgiram, mas nenhuma foi autorizada pela Casterman ou pelas autoridades iranianas.

Compartilhe:

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Le Soir publica versão original de "As 7 Bolas de Cristal"

(Quase) todo fã de Tintim sabe que praticamente todos os álbuns do personagem foram um dia publicados em tirinhas periódicas, primeiro no jornal "Le Petit Vingtième", depois no "Le Soir" e, mais tarde, na revista "Le Journal de Tintin". As histórias criadas por Hergé passaram por diversas revisões, alguns até mesmo sendo totalmente redesenhados, até chegarem ao formato que conhecemos hoje, um álbum grande com 64 páginas.


Com "As 7 Bolas de Cristal" não foi diferente. A aventura, lançada como álbum em 1948, foi originalmente publicada entre 1943 e 1944, nas páginas do jornal belga Le Soir. A publicação foi interrompida em setembro de 1944, quando Hergé e alguns de seus colaboradores tiveram de responder por terem trabalhando no jornal, tido como colaboracionista, durante a Segunda Guerra Mundial. As 152 tiras em preto-e-branco nunca foram publicadas em seu formato original, e a edição oficial recebeu retoques tanto no desenho como no roteiro.

Em comemoração aos seus 125 anos, o Le Soir lança este mês um álbum exclusivo de 112 páginas (formato paisagem: 22 cm x 17 cm), incluindo informações adicionais sobre o contexto histórico e comparações com o álbum oficial. O exemplar em francês, intitulado "Les Mystères de las 7 Boules de Cristal", custa 14 euros. Uma edição para colecionador nenhum botar defeito.


:: Em tempo: No último dia 16 de dezembro, "As 7 Bolas de Cristal" completou 69 anos desde a publicação de sua primeira tira.
Compartilhe:

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

'Tintim 2' já tem data de estreia

Finalmente temos uma luz sobre o segundo filme da trilogia "As Aventuras de Tintim". Peter Jackson, que ainda está trabalhando nas continuações de "O Hobbit: Uma Jornada Inesperada" (filme que estreia na próxima sexta-feira, 14/12), já planeja o início das gravações do novo longa baseado nos álbuns de Hergé.

Em entrevista ao site RTBF, Jackson afirmou que pretende rodar a captura de movimentos em 2013, e lançar o filme cinemas em 2015. "Anthony Horowitz está escrevendo o roteiro, eu vou encontrá-lo na próxima semana para trabalharmos juntos", disse o diretor. "Então espero que, se tudo correr bem, eu encontre um tempo no próximo ano, paralelamente à pós-produção da segunda parte de 'O Hobbit', para realizar a captura de movimentos do segundo 'Tintim', e então trabalhar dois anos para finalizar as imagens do filme".

A sequência de "As Aventuras de Tintim" será dirigida por Peter Jackson, com produção de Steven Spielberg e roteiro de Anthony Horowitz. Até o momento, os álbuns em que o filme será baseado não foram  divulgados. Apesar da suspeita entre "O Templo do Sol" e "O Caso Girassol", ainda não houve confirmação; só se sabe que dessa vez o professor aparece.
Compartilhe:

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Leilão de Tintim é destaque na imprensa internacional

Os leilões de objetos relacionados a Tintim sempre são destaque na mídia internacional, incluindo no Brasil. O jornal SBT Brasil exibiu, no último sábado, 24/11, uma reportagem sobre as vendas de relíquias do personagem belga criado por Hergé, dando ênfase para peças que estão mais acessíveis a um público com poder aquisitivo menor. Confira no link:


:: Falando nisso...

Uma edição original do álbum "Rumo à Lua" foi arrematado por mais de 35 mil euros em um leilão realizado no Hotel Drout, em Paris, no último dia 18 de novembro. Estimado entre 10 e 12 mil euros, o álbum autografado por Hergé tinha um atrativo a mais: a assinatura de ninguém menos que Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins, os três astronautas da Apolo XI, primeira tripulação a pousar na lua.


Além deste álbum, duas edições de "Tintim no País dos Sovietes" em muito bom estado foram vendidos, respectivamente, por € 21.605 (a estimativa era de 15.000 a 20.000 euros) e € 12.115 (a estimativa era de 7000 a 12.000 euros). Uma edição original de 1936 do álbum "O Lótus Azul" alcançou  € 14.665, quando o estimado estava entre 2.500 e 3.500 euros.


No total, a venda organizada pela Piasa em parceria com a Moulinsart gerou € 274.250 (mais de R$ 740 mil). Entre outros itens leiloados na ocasião estavam uma edição original de "A Estrela Misteriosa" de 1942, com uma dedicatória de Hergé ao futuro rei da Bélgica, (11.730 euros) e uma coleção completa de 24 medalhas de ouro de Tintim cunhadas pela Monnaie de Paris, (10.840 euros). Uma cabeça de gesso do Capitão Haddock, estimada entre 2.000 e 3.000 euros, foi arrematada por 2.550 euros, enquanto uma estátua de impermeável de Tintim, do ateliê Leblon-Delienne (1994), estimada entre 4.000 e 4.500 euros, foi vendida por 5.100.

Com informações do Le Parisien.
Compartilhe:

sábado, 24 de novembro de 2012

'Tintim 2': alguém ainda se lembra?

Por enquanto, nenhuma grande novidade sobre o segundo filme da franquia "As Aventuras de Tintim". Steven Spielberg está envolvido no lançamento de seu novo filme (que já estreou nos EUA), "Lincoln", sobre a vida do 16º presidente norte-americano, e Peter Jackson parece só se preocupar com a trilogia "O Hobbit", cujo primeiro filme, "Uma Jornada Inesperada", estreia em dezembro deste ano. Kathleen Kennedy, produtora do longa que estreou em 2011, parece ter pulado fora do barco, agora que assumiu a presidência da Lucasfilm, estúdio de "Star Wars" e "Indiana Jones", comprado pela Disney.

O único que parece estar com a mão na massa para 'Tintim 2' realmente acontecer é Anthony Horowitz, o roteirista. Em conversa com um seguidor via Twitter, o escritor contou que em janeiro se reunirá com o diretor para uma segunda discussão sobre o projeto.


Até o momento, nada foi revelado sobre a sequência do filme de Spielberg, que deve ser dirigida por Peter Jackson. Nem datas, nem o elenco, nem mesmo o álbum que está servindo de base para o roteiro chegou ao conhecimento do público. Só nos resta aguardar passar a fase de Abraham Lincoln e Bilbo Bolseiro (este ano, pelo menos) para ver se os holofotes voltam a se acender sobre Tintim...
Compartilhe:

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Segunda temporada de "Sherlock" chega ao Brasil em DVD e Blu-Ray

Chega ao Brasil no dia 21 de novembro a segunda temporada da série "Sherlock", da BBC. A versão contemporânea de Mark Gatiss e Steven Moffat para a obra de Conan Doyle será lançada em DVD e Blu-Ray duplos, com direito a making of. Este thriller torna-se obrigatório para os amantes dos clássicos de espionagem. 


Benedict Cumberbatch está de volta como um moderno Sherlock Holmes, livre do cachimbo mas tão sagaz como o original. Sua mente analítica se completa com o pragmatismo de John Watson, vivido por Martin Freeman ("O Hobbit"). 

Fiel ao espírito dos livros originais, a segunda temporada de Sherlock traz Holmes e Watson desvendando mistérios adaptados ao mundo de hoje e interagindo com personagens reconhecidos do universo criado por Arthur Conan Doyle, como Irene Adler (Lara Pulver - foto abaixo) e o vilão Moriarty (Andrew Scott). Na trama, o épico personagem passa por um processo de humanização, aprendendo a lidar com os próprios sentimentos, enquanto luta para capturar o temível Moriaty, determinado a liquidá-lo a qualquer custo.

Em 2012, a série venceu duas categorias do prêmio BAFTA (Melhor Ator Coadjuvante: Andrew Scott e Melhor Escritor: Steven Moffat), recebeu 5 indicações ao Emmy e atingiu uma audiência de nove milhões de espectadores em sua terra natal, o Reino Unido. No Brasil, suas aventuras são destaque da programação do canal BBC HD.

Sobre o box: A nova temporada, assim como a primeira, é composta por três episódios de 90 minutos cada, divididos em 2 discos (DVD ou Blu-ray disc), contando ainda com o making of “Desvendando Sherlock” (19 minutos). Com áudio original em inglês 2.0, os episódios têm legendas disponíveis em português e inglês. Classificação etária: 12 anos 

O preço sugerido está mais em conta que o da primeira temporada: R$49,90 para o DVD e R$59,90 o Blu-ray.
Compartilhe:

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

TPT Recomenda: A Casa da Seda, o novo romance de Sherlock Holmes

Sherlock Holmes volta à atividade em um novo e envolvente romance, "A Casa da Seda". Mas espera, o criador do personagem já não morreu há anos? Sim, na verdade, há décadas. Só que esta é uma aventura totalmente nova, e o melhor, autorizada pelos herdeiros de Sir Arthur Conan Doyle, autor da série de livros do detetive mais famoso do mundo. O responsável pela obra é ninguém menos que Anthony Horowitz, criador da série "Alex Rider", que atualmente trabalha no roteiro do segundo filme da trilogia "As Aventuras de Tintim".

Mas vamos falar sobre o livro. No prefácio, ficamos sabendo que esta é mais uma obra escrita por John Watson, biógrafo e companheiro inseparável do detetive. Segundo o doutor, a história que se segue é tão chocante que deverá ficar escondida por cem anos; supostamente por este motivo, nunca ouvimos falar do caso em que Sherlock Holmes investiga a sombria Casa da Seda. Anthony Horowitz consegue cumprir com a promessa, levando o leitor a ficar mais curioso a cada página lida, ansioso para devorar cada capítulo e finalmente descobrir o que é a "Casa da Seda", tão mencionada entre sussurros.

A trama começa de fato no inverno londrino de 1890, depois que um distinto cavalheiro visita o número 221B da Baker Srteet, expondo mais um curioso mistério para o já famoso detetive. A investigação começa assim como qualquer outra, até ser repentinamente interrompida por acontecimentos enigmáticos que levam Holmes e Watson aos subúrbios da capital inglesa, passando por indivíduos, cenários e situações que os deixa cada vez mais mergulhados no caso.

Para os fãs dos livros de Conan Doyle, um ponto muito positivo é que o livro é salpicado por referências e citações a outras aventuras. Personagens memoráveis, pelo menos dois deles com papel-chave na série, têm participação importante - e surpreendente - no desenrolar do caso. Já para os fãs de Tintim, vale destacar um das cenas que, acredite, me fez lembrar o álbum "O Lótus Azul". Lá, o detetive entra em uma casa de ópio semelhante àquela visitada pelo repórter no álbum de Hergé - e os fins para os quais as duas lojas são reservadas também não estão lá tão distantes... Mas voltemos ao livro:

Como leitor assíduo da série original, não lembro de ter visto Sherlock Holmes tão pessoalmente envolvido como nesta história. Seu lado humano é trazido à tona quando o detetive consultor se sente responsabilizado pelo assassinato de um dos Irregulares de Baker Street (como ele chama os meninos de rua que auxiliam em suas investigações). E tudo fica ainda mais tenso depois que Sherlock Holmes acaba sendo acusado de um outro homicídio, e todas as provas indicam que ele é realmente o culpado. Mas qual a relação entre esta morte e a Casa da Seda, e onde entra a trama do primeiro capítulo a esta altura?

Não vou continuar contando a história, porque acho que vale a pena que você mesmo leia. Só posso garantir que o espírito dos contos e romances originais é preservado (apesar do número incomum de páginas - 272), e que a revelação final é digna de qualquer obra de Conan Doyle. Arrisco dizer que esta é uma das mais sinistras conspirações reveladas por Holmes, se não a maior de todas. É, pelo menos, a mais chocante.
Compartilhe:

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Anthony Horowitz diz que Tintim é maior que seu autor

Roteirista escolhido para escrever o segundo filme da planejada trilogia "As Aventuras de Tintim", o britânico Anthony Horowitz concedeu uma entrevista exclusiva à Editora Zahar, na época do lançamento do romance "A Casa da Seda", que traz de volta à ativa o maior detetive de todos os tempos, Sherlock Holmes. Conheça a opinião do escritor sobre a continuidade das obras de Conan Doyle e Hergé após a morte de seus autores.

Tudo o que sabemos sobre o segundo filme de Tintim

Trailer de lançamento do livro, com o prefácio lido por Anthony Horowitz.

Antes de escrever esse livro, qual era a sua relação com Sherlock Holmes e Arthur Conan Doyle?

Eu dei de presente de aniversário para o meu pai as histórias de Sherlock Holmes quando tinha 17 anos. Eu amo, desde sempre, não apenas o mistério e os assassinatos, mas a maravilhosa atmosfera dos livros. Minha história favorita é O signo dos quatro. Eu adoro a ideia de que o mal que começa na Índia pode chegar até os subúrbios de Londres (onde eu moro). Li as histórias duas ou três vezes desde então, sempre com muito prazer.

Na sua opinião, Sherlock Holmes é um personagem tão forte que pode viver mesmo sem o seu autor?

Sherlock Holmes é um dos poucos personagens ficcionais que é maior do que o autor que o criou. James Bond é outro. Tintim um terceiro. É interessante que Doyle tentou matá-lo nas quedas de Reichnbach. Ian Fleming tentou matar Bond duas vezes. E Hergé estava doente e farto de Tintim. E todos os três personagens continuaram a aparecer mesmo depois da morte de seus autores.

Leia mais: Anthony Horotwitz pode estar fora de 'Tintim 2'

Qual foi a parte mais difícil de escrever como Conan Doyle?

A parte mais difícil foi construir uma história que fosse longa o suficiente em palavras (90.000)  ara os meus editores e para o público de hoje. Doyle escreveu quatro novelas com Sherlock Holmes, mas todas têm a metade do tamanho. Também tive que ser muito cuidadoso para ficar invisível. Eu queria que o livro ficasse como se tivesse sido escrito por Conan Doyle. Isso significava obedecer a todas as regras que Doyle estabeleceu em seus livros.

Como você obteve autorização do Conan Doyle Estate?

The Conan Doyle Estate decidiu criar um “selo de aprovação” para um novo escritor – e eles se aproximaram de mim através de um agente. Não tinha nenhuma intenção de escrever A Casa da Seda. Nunca me ocorreu que algum dia eu escreveria uma história de Sherlock Holmes. Mas fiquei muito feliz em ser sondado e demorou cerca de três segundos até eu dizer sim.

Você planeja escrever mais livros com Sherlock Holmes?

Não acredito que possa escrever uma história melhor do que A Casa da Seda, então, não farei uma sequência. Mas planejo uma história de mistério situada na mesma época e no mesmo universo – e Sherlock Holmes fará uma breve aparição. Infelizmente, não posso revelar mais nada!

P.S.: Na próxima postagem, saiba mais sobre o livro "A Casa da Seda", que eu já li e recomendo a todos os fãs de Sherlock Holmes...

Veja também: Anthony Horowitz diz que Tintim é sua inspiração
Compartilhe:

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Além de Tintim: Zé Carioca 70 Anos

Em 1942, no Rio de Janeiro, aconteceu a première do filme "Alô, Amigos", marcando a estreia de um personagem brasileiro no universo de Walt Disney, Zé Carioca. O longa foi produzido para fortalecer a relação entre a América Latina e os Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial, e o papagaio malandro foi escolhido para representar o brasileiro lá fora. Assim nasceu José Carioca, que logo mais dividiu as páginas dos quadrinhos com o Pato Donald, ganhando cada vez mais destaque em aventuras ambientadas no cenário da cidade maravilhosa.


Para celebrar os 70 anos do mais brasileiro dos personagens da Disney, a Editora Abril lança, em outubro e novembro, duas edições especiais de 300 páginas cada uma, que, entre outras coisas, trazem tiras inéditas dos anos 1940, histórias raras de todas as décadas e duas HQs inéditas (anos após a publicação da última HQ Disney nacional) produzidas especialmente para estes especiais.


Capa e contra-capa do volume 1 do especial.

O volume 1 chega às bancas no dia 29 de outubro. A distribuição é regional: primeira fase nas regiões Sul e Sudeste, e em breve nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. O volume 2, programado para final de novembro, continua a seleção cronológica de histórias e se encerra com duas HQs brasileiras inéditas, produzidas especialmente para esta ocasião.

Para saber mais sobre os 70 anos de Zé Carioca, leia o especial publicado pelo parceiro Planeta Gibi.
Compartilhe:

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Casterman publica HQ baseada no filme de Spielberg

A editora Casterman publicará em breve uma adaptação do filme "As Aventuras de Tintim" em quadrinhos. Dirigido por Steven Spielberg e Peter Jackson, o filme ganhador do Globo de Ouro 2012 terá sua 1 hora e 40 minutos de ação transformadas em 64 páginas quadrinhos, assim como aconteceu com outra aventura cinematográfica do repórter, "Tintim e o Lago dos Tubarões". A capa está disponível no site da distribuidora Eden Livres, mas você também pode vê-la abaixo:



De acordo com sites de vendas franceses, o lançamento está marcado para o dia 10 de outubro. Agora é esperar para ver se os tintinófilos brasileiros também terão direito a esta novidade...

Em tempo: Uma foto que circula na internet dá uma ideia do que esperar da adaptação. Se a ordem dos quadrinhos que aparecem na imagem estiver correta, percebe-se que o enredo será bem abreviado.


Compartilhe:

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

John Williams recebe prêmio pela trilha sonora de 'Tintim'

De acordo com a agência Reuters, o veterano compositor John Williams ganhou nesta terça-feira, 02/10, dois prêmios Classic Brit, o troféu de melhor compositor e o prêmio especial pelo conjunto da obra.

O prêmio de música clássica, entregue no Royal Albert Hall, em Londres, teve entre seus destaques a London Chamber Orchestra apresentando trechos de trilhas compostas por Williams para filmes como "Guerra nas Estrelas", "Tubarão", "E.T." e "Indiana Jones".

John Williams no telão do evento.

O compositor norte-americano, de 80 anos, recebeu o prêmio de melhor compositor por seu trabalho nas trilhas sonoras dos longas "Cavalo de Guerra" e "As Aventuras de Tintim", ambos dirigidos por Steven Spielberg e lançados em 2011 nos cinemas. 

Williams já recebeu 47 indicações ao Oscar, sendo o vice-recordista nesse quesito - atrás apenas de Walt Disney -, sendo que venceu o prêmio em cinco ocasiões. 

Falando nisso...

Veja abaixo uma apresentação de John Williams conduzindo a orquestra ao som do tema do duelo pirata do filme "As Aventuras de Tintim". Durante a apresentação, no Hollywood Bowl,  no último mês de setembro, cenas de vários clássicos piratas do cinema são exibidas, para alegria da plateia. Confira esta bela homenagem a seguir e tente identificar os filmes pelos trechos exibidos...

Compartilhe:

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Tintim é censurado na Suécia, mas pressão do público muda decisão

Autoridades de Estocolmo, Suécia, decidiram remover todos os livros da série "As Aventuras de Tintim" das prateleiras da biblioteca da Kulturhuset (Casa da Cultura), informou o jornal Dagens Nyheter. A decisão aconteceu porque as obras são consideradas racistas e refletem uma era de colonialismo na Europa.



"Os livros de Tintim dão uma imagem afro-fóbica dos africanos. Eles são representados como estúpidos, assim como os árabes sentados sobre tapetes voadores ou turcos envoltos pela fumaça do narguilé", afirmou Behrang Miri, diretor artístico de atividades infanto-juvenis da Kulturhuset. "Não é o bastante as novas versões terem uma introdução que explica que os quadrinhos foram projetados em outra época".

Ainda de acordo com a matéria, Tintim é só o começo da caçada dos "benfeitores". Outros álbuns de outros autores serão censurados pela biblioteca da Kulturhuset, a fim de proteger as crianças e adultos de racismo ou homofobia, segundo eles dizem.

ATUALIZAÇÃO: Depois pesquisa pública realizada pelo site do jornal Dagens Nyheter, onde 85% dos 20 mil leitores votaram (quase que instantaneamente) discordando da censura, a direção do Casa da Cultura da Suécia voltou atrás da decisão de retirar os livros das prateleiras da biblioteca. "A decisão aconteceu muito rápido", disse a Kulturhuset em comunicado à imprensa, onde Behrang Miri reconheceu que "é errado proibir livros". Mas o fato foi aplaudido pela Kulturhuset, que através de seu representante, Eric Sjöström, concluiu: "As questões de discriminação, igualdade e normas continuam a ser debatidas e discutidas".


Livros de Tintim voltam às prateleiras na Suécia.

Enquanto isso, no Brasil... 

Mais uma obra de Monteiro Lobato está na mira da censura. Depois de pedir o banimento do livro "Caçadas de Pedrinho" - da série Sítio do Picapau Amarelo - das escolas públicas, o Instituto de Advocacia Racial (Iara) questionou na Controladoria Geral da União a distribuição nas escolas públicas do clássico "Negrinha", do mesmo autor.

Lançado em 1920 e narrado em 3ª pessoa, o conto Negrinha, um dos 22  que compõem o livro homônimo, é um dos mais elogiados do autor, mas segundo o Iara, contém elementos racistas, como na passagem "Negrinha era uma pobre órfã de sete anos. Preta? Não; fusca, mulatinha escura, de cabelos ruços e olhos assustados". O objetivo da ação é que a "Negrinha" tenha uma nota explicativa reconhecendo que possui termos preconceituosos.

O impasse já se arrasta há dois anos, e sofre resistência por parte do MEC, que teve mais uma audiência realizada no último dia 25 de setembro, sem acordo. O Iara, por sua vez, está disposto a levar o tema à Corte Interamericana de Direitos Humanos (CIDH). Veja.
Compartilhe:

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

TPT sorteia DVD do filme "As Aventuras de Tintim"

O Tintim por Tintim está sorteando no Facebook um DVD do filme "As Aventuras de Tintim", lançado no Brasil pela Fox/Sony Pictures. Para concorrer, é simples. Basta curtir da página do TPT no Facebook (clique aqui), compartilhar a imagem abaixo (disponível neste link) e clicar no botão "Quero Participar", disponível na aba "Promoções" (ou aqui). Depois de seguir estes passos, você já estará concorrendo ao DVD da animação de Steven Spielberg e Peter Jackson. O sorteio acontecerá a partir do dia 30 de setembro. Para mais informações, consulte regulamento abaixo.


Regulamento
  • Sorteio gratuito valendo um DVD do filme "As Aventuras de Tintim", da Sony Pictures Home Entertainment.
  • Esta promoção é válida apenas para pessoas residentes no Brasil.
  • Curta página do Tintim por Tintim (http://facebook.com/pages/Tintim-por-Tintim/187380934648506).
  • Compartilhe o banner da promoção (http://tinyurl.com/QueroDVDTintim).
  • Clique no botão "Quero participar", na aba "Promoções" da fan-page (http://tinyurl.com/PromoDVDTintim).
  • O sorteio será realizado a partir de 30 de setembro de 2012, através da ferramenta Sorteie.me.
  • Os ganhadores terão seus nomes divulgados na página do Tintim por Tintim no Facebook, e receberão uma mensagem com os próximos passos a seguir.
  • A entrega será realizada através dos Correios, estando sujeita a atrasos.
Compartilhe:

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Jogue com Tintim: Caça ao Tesouro

Confira abaixo um jogo online baseado no filme "As Aventuras de Tintim", de Steven Spielberg e Peter Jackson, que chegou às lojas em DVD e Blu-Ray no último mês de junho. "Tintin's Treasure Quest" é um jogo de plataformas que reúne o repórter e seu cachorro Milu em uma série de fases que passam por alguns cenários da aventura cinematográfica, como o Mercado de Pulgas, o navio Karaboudjan e o porto de Bagghar.

Sozinho ou com um amigo, ajude Tintim e Milu a coletar as moedas, vencer obstáculos e passar por lugares difíceis, até alcançar os níveis mais avançados e ganhar todos os distintivos. Controle Tintim com a setas de direção do teclado para andar ou pular, e milu com as letras A (esquerda), D (direita) ou W (pular). Aperte o "Play" e divirta-se!

 
Compartilhe:

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

TPT sorteia 3 revistas "Pato Donald" pelo Facebook

O TPT, em parceria com a editora Abril Jovem, está realizando um sorteio através da nossa página oficial no Facebook. No dia 02 de setembro, três pessoas que estiverem seguindo o regulamento abaixo levarão para casa um exemplar da revista "Pato Donald" nº 2409, edição do mês de agosto, que traz uma participação especial de ninguém menos que Tintim, Milu, e outros personagens de Hergé... Confira as regras:
  • Sorteio gratuito valendo três exemplares da revista "Pato Donald" nº 2409, publicada pela Editora Abril.
  • Esta promoção é válida apenas para pessoas residentes no Brasil.
  • Para participar, você deve curtir a página do Tintim por Tintim no Facebook.
  • Compartilhe publicamente o banner da promoção (imagem abaixo), disponível no link: http://tinyurl.com/BannerDonaldeTintim.
  • Sua participação só será confirmada após clicar no botão verde "Quero participar", disponível no link: http://tinyurl.com/DonaldeTintim.
  • O sorteio será realizado neste domingo, 02 de setembro de 2012, através da ferramenta Sorteie.me.
  • Os ganhadores terão seus nomes divulgados na página do TPT no Facebook, e receberão uma mensagem com os próximos passos a seguir.
  • A entrega será realizada através dos Correios, estando sujeita a atrasos.
Então é isso, se você quer ganhar um dos três exemplares da revistinha em que o Pato Donald encontra Tintim, é só participar... Clique na imagem abaixo e siga todos os passos!


Compartilhe:

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

PlayArte lança no Brasil filmes de Tintim inéditos em DVD

O Tintim por Tintim tem o prazer de anunciar em primeira mão mais uma excelente (e aguardada) novidade para os tintinófilos brasileiros. Décadas após seu lançamento, finalmente veremos os três primeiros longas de animação baseados na obra de Hergé de volta às prateleiras. "O Lago dos Tubarões", "O Caso Girassol" e "O Templo do Sol" serão lançados no Brasil pela primeira vez em DVD pela PlayArte, numa edição oficial da Moulinsart, com capas ilustradas com desenhos de Hergé. Saiba mais sobre cada título abaixo:

Tintim e o Lago dos Tubarões

Título original: Tintin et Le Lac Aux Requins
Diretor: Raymond Leblanc
Elenco: Jacques Careuil, Georges Atlas, Jacques Balutin

Sinopse: Alguém está roubando valiosíssimas obras de arte e substituindo-as por cópias de excelente qualidade, quase impossíveis de reconhecer. Enquanto isso, Tintim, Milu, Capitão Haddock, Dupont e Dupond embarcam em uma viagem para a Syldavia, onde passarão alguns dias de diversão ao lado de seu amigo, o Professor Girassol. E este mistério não vai tardar a cruzar o seu caminho...
Duração: Aprox. 81 min.

Tintim e O Caso Girassol


Título original: L'Affaire Tournesol
Diretor: Ray Goossens
Elenco: Georges Poujouly, Roger Carel, Jean Clarieux

Sinopse: Coisas estranhas estão acontecendo durante a noite na mansão Moulinsart. Janelas, copos, espelhos e vasos estão se quebrando sem razão aparente. O Professor Girassol não consegue manter sua última invenção, uma arma de raios ultrassônicos, sob controle. Mas será que Tintim, Capitão Haddock e os detetives Dupont e Dupond chegarão a tempo de evitar que a criação de seu amigo caia em mãos erradas?
Duração: Aprox. 81 min.

Tintim e o Templo do Sol


Título original: Le Temple Du Soleil
Diretor: Eddie Lateste
Elenco: Philippe Ogouz, Claude Bertrand, Lucie Dolène

Sinopse: Um grupo de exploradores descobre o túmulo de Rascar Capac e acabam todos se tornando vítimas da sua maldição, uma misteriosa doença que os coloca em sono profundo. Enquanto tenta resolver esta questão, o Professor Girassol cai nas garras de um grupo de nativos do Peru. E é claro que seu grande amigo Tintim será convocado para ajudá-lo mais uma vez nesta enrascada!
Duração: Aprox. 77 min.

Os filmes estarão disponíveis em português 2.0, com as dublagens originais. Os lançamentos chegarão às lojas no dia 17 de outubro, por R$ 29,90 cada, mas como não poderia deixar de ser, os leitores do Tintim por Tintim talvez nem precisem esperar tanto... Fique ligado para saber mais detalhes em breve.
Compartilhe:

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Motivos para ler "As Aventuras de Tintim - O Romance"

O TPT vai sortear via Twitter o livro "As Aventuras de Tintim - O Romance", baseado no filme de Steven Spielberg e Peter Jackson, que chegou aos cinemas nacionais em janeiro deste ano. O livro conta mais do que a história que aparece no filme. É uma obra que vale a pena ser lida por qualquer fã do personagem e da versão para os cinemas.

Para começar, o romance revela detalhes que você não vê nas telas. Por exemplo, a banda de Moulinsart (que não chega a ter seu nome citado) aparece no mercado da Rua Velha, com os músicos trajando suas tradicionais jaquetas vermelhas em um coreto perto de uma pequena roda gigante. Ali começa a aventura de Tintim e Milu, logo após a compra de um modelo do antigo navio Licorne na mão de um velho vendedor, chamado aqui de sr. Crabtree.

Os personagens são muito bem-apresentados, assim como os ambientes em que a história se passa. Dupond e Dupont, detetives da Interpol, têm sua aparência descrita, para que ninguém mais tenha dúvidas sobre seu suposto parentesco. Ficamos sabendo que a sra. Pinson (senhoria de Tintim) só tem seu primeiro nome conhecido, e que, apesar da falta de senso de humor, adora chocolate quente. O apartamento de Tintim na Rua do Labrador, nº 26, traz em suas paredes clippings dos artigos publicados pelo jornalista, e até uma carta que não é mencionada no filme, escrita por um certo gangster americano... 

Já a Biblioteca Marítima, onde Tintim encontra respostas para suas perguntas, é retratada de forma um tanto diferente da que nós vemos na tela, desta vez com um tema náutico, bem próximo ao interior de um navio. Este, aliás, é só um dos indícios de que o livro provavelmente foi mais baseado no roteiro original do filme do que na película em si, o que é muito bom para o leitor.

Bom também é o elogiável trabalho de tradução, que só falha por um detalhe. Enquanto a versão ganha pontos ao traduzir corretamente nomes como Moulinsart (em outros livros da própria editora já traduzido Marlinspike), sra. Pinson (comumente chamada de sra. Finch, nome inglês da personagem) e Dupond e Dupont (Thompson e Thomson), acaba dando uma leve escorregada com o nome do punguista, que no filme é Filagrana (o que já está errado, pois no álbum a tradução brasileira é Filigrana), mas no livro é referido como Aristides Silk.

Algumas sequências que passam voando nas telas podem ser melhor entendidas durante a leitura. Um exemplo é a passagem dos protagonistas por Bagghar. Os observadores mais atentos devem ter percebido que no filme há placas acusando a falta de água na pobre cidade marroquina. Pois no livro ficamos sabendo os motivos do sofrimento daquele povo, e dessa forma enxergamos que o Xeque Omar Ben Salaad não é tão inocente como parece. Repararam nas fontes de água cristalina e em todo o verde de seu palácio? É bem por aí... Alguém precisa fazer justiça, e o livro diz quem faz.

Cenas que marcam a versão cinematográfica ficam muito bem quando lidas. A narrativa da batalha pirata é perfeita. Mas o que você não imagina é que o livro inclui trechos inéditos... Num deles, Tintim e Haddock chegam a Bagghar montados em camelos - assim como no longa -, mas onde vão parar os animais? O livro explica, introduzindo um personagem que não aparece no filme. Seu nome nem mesmo é citado, mas sua descrição (página 173) logo fará os leitores perceberem de quem se trata. A dica: um comerciante de bigodes pontudos em uma cidade no meio do deserto...

Analisando cada página e até mesmo a bela capa, o livro "As Aventuras de Tintim - O Romance" é uma excelente dica de leitura. Siga o @Britto_TPT e a @RaiEditora no Twitter para concorrer a um volume novinho em folha!
Compartilhe:

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Entrevista com Sergio Stern, dublador do Dupont

O TPT traz mais uma entrevista, desta vez com o dublador Sergio Stern, responsável pela voz do detetive Dupont no filme "As Aventuras de Tintim", de Steven Spielberg e Peter Jackson. Dublador de vários personagens queridos pelo público, Sergio nos conta como foi a entrada no projeto, e fala sobre o desafio de dublar um personagem marcado pela voz de outro grande dublador. "É um grande prazer falar com você e com os fãs de Tintim", iniciou o ator.


Qual era sua relação com "As Aventuras de Tintim" antes de participar da dublagem do filme? Você já conhecia os livros ou a série de TV?

Infelizmente não tive a oportunidade de ter contato anteriormente com o mundo de Tintim. Ao dublar o longa-metragem, fiquei impressionado pela qualidade do roteiro. Achei a história muito bem-desenvolvida, com personagens carismáticos, e acho que o mundo passou a ter mais um fã das aventuras de Tintim.

Como foram os testes para a dublagem dos detetives Dupondt?

Os testes para a dublagem para mim foram uma surpresa, pois como já existia a série, cheguei a pensar que seriam utilizadas as mesmas vozes. Mas, como acontece muitas vezes, o distribuidor do filme (Fox, Dreamworks, Disney, etc.) pediu testes e estes tiveram que ser feitos. Como acontece em todos os testes para dublagens, para cada personagem foram chamados alguns dubladores. Após serem apresentados ao perfil do personagem, foram dublados alguns trechos do filme (sempre os mesmos trechos para todos os testes de um determinado personagem). Em outras palavras, dublei as mesmas cenas do Dupont que os outros candidatos a Dupont.

Com certeza é um desafio dublar personagens que ficaram marcados pela voz de outro dublador (na série, os Dupondt eram dublados por Darcy Pedrosa e Márcio Simões). Como a você e a equipe encararam isso?

Com relação a dublar personagens que já têm vozes consagradas, é uma enorme responsabilidade pois temos que agradar um público exigente e entregar um trabalho com a qualidade que este exige e merece.

Acho que você deve ter alguma experiência relacionada com a dublagem do Kiko (da série "Chaves em Desenho")... Houve alguma repercussão por parte dos fãs?

A comparação com o Quico é muito pertinente, pois foi uma situação igualmente crítica e no entanto, era um abacaxi que precisava ser descascado com muito cuidado e dedicação. Felizmente os fãs receberam bem o trabalho.

A participação na dublagem o fez sentir curiosidade pelas aventuras de Tintim?

Como disse acima, com certeza hoje sou o mais novo fã desde criancinha de Tintim e companhia.

Mudando um pouco de assunto, qual foi o personagem mais marcante de sua carreira?

Há vários personagens que foram muito importantes para mim, como Mike Wazowski (Monstros S.A.), Kiko (Chaves animado), Bongo (Meu Amigãozão), Sensui (YuYu Hakushô) e Mc Mannus (O.Z.). No entanto, o que para mim foi de longe o mais apaixonante, foi o astrônomo Carl Sagan na série Cosmos, que infelizmente só foi/é veiculada na TV Escola. Procure no Youtube, pois vale muito a pena.

COSMOS - EPISÓDIO 1 (DUBLADO POR SÉRGIO STERN)

O dublador termina a conversa dizendo: "Mais uma vez, muito obrigado pelo carinho, e principalmente pela oportunidade de falar com os fãs deste maravilhoso mundo de Tintim. Um grande abraço a todos!!!" Nós é que agradecemos, Sérgio...
Compartilhe:

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

TPT entrevista o tradutor do filme "As Aventuras de Tintim".

O Tintim por Tintim conversou com André Bighinzoli (foto), ator, dublador, músico e tradutor. Desde 2007 ele traduz e adapta textos de filmes e programas de televisão para dublagem, tendo no currículo produções como "Kung Fu Panda 2", "Velozes e Furiosos 5: Operação Rio", "Star Wars: Clone Wars", "Grey's Anatomy", entre outros.

Um de seus últimos trabalhos foi a tradução do roteiro de "As Aventuras de Tintim" (The Adventures of Tintin: The Secret of the Unicorn), que estreou em janeiro no Brasil e chegou às lojas em DVD e Blu-Ray no último mês de junho. Leia a entrevista a seguir:

Poderia nos contar sobre como aconteceu o processo de tradução do filme?
 
Vamos lá: Recebi o filme e o roteiro original em inglês. Fui orientado pela supervisora do projeto, Claudia Gvirtzman Dichter, a adquirir os livros e a pesquisar para me aprofundar o máximo que pudesse no universo de Tintim. Primeiro, fiz a tradução e a adaptação básica do grosso dos diálogos, obedecendo a linguagem de época, e depois inseri os termos e referências dos livros.

Até que ponto você teve de ser fiel ao roteiro original, em inglês? Se baseou nos álbuns nacionais em algum momento?

Os livros foram soberanos. Quando surgia alguma dúvida, o termo do livro era sempre o seguido. Nas edições brasileiras, muitos nomes da versão francesa foram mantidos, Ex: Milú, Sra. Pinson e Dupont e Dupond; em vez de Snowy, Mrs. Finch e Thompson e Thomson. No caso do larápio, Silk, usamos o nome que do livro, Sr. Filagrana...

Você já era um leitor de Tintim antes de trabalhar na tradução do roteiro?

Eu havia lido Tintim na juventude, há muitos anos. Infelizmente, aqui no Brasil, há anos Tintim andava meio esquecido. Fui escolhido como tradutor do filme pelo zelo que tenho com meu trabalho.

O que achou da história do filme, e qual foi o maior desafio deste trabalho?

Achei o filme sensacional e a história excelente. A trama foi muito bem montada. Acho que o maior desafio foi fazer um trabalho a altura deste filme maravilhoso. Sempre me envolvo muito com os filmes que faço. Adorei fazê-lo e me diverti muitíssimo.

Quais foram outros roteiros conhecidos que você traduziu?  

Dos filmes conhecidos recentes traduzi: Star Trek, Muppets, Smurfs, Madagascar 3, Branca de Neve e o Caçador e no momento estou traduzindo Hotel Transilvânia.

O TPT agradece a simpatia deste profissional da dublagem brasileira, e espera trazer mais material do tipo aos seus fiéis leitores.
Compartilhe:

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

TPT faz aniversário, mas quem ganha o presente é você!

Para comemorar os 4 anos de blog, 2 anos de fórum e 1 ano no Facebook, o Tintim por Tintim vai presentear seus leitores com sorteios no Twitter e Facebook. Fique ligado para concorrer aos prêmios, que vão agradar tanto aos fãs do filme como a quem curte quadrinhos...


Dica: desde já siga o TPT no Twitter, registre-se no Fórum e curta nossa página no Facebook para concorrer...
Compartilhe:

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Encontro de Pato Donald com Tintim chega às bancas nacionais

Chega às bancas em agosto a revista Pato Donald nº 2409, que trará uma HQ inédita no Brasil retratando o encontro do personagem-título com uma figura muito parecida com Tintim. Tantã é o nome do personagem na versão brasileira, e na aventura ele contracena com Bombom Sorriso, personagem criado por Corrado Mastantuono e até então desconhecido pelos leitores brasileiros, e também com seu cãozinho Limu. Confira abaixo a capa da revista, que chega primeiro às bancas da região Sudeste, e pouco depois no restante do país.


A HQ, intitulada "Bombom Sorriso e o Artista Liberado", foi produzida em 2003. Confira um preview do Planeta Gibi:


Compartilhe:

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Peter Jackson dá pistas sobre 'Tintim 2'

Durante a Comic-Con, convenção de cinema e quadrinhos realizada esta semana nos EUA, o cineasta Peter Jackson falou sobre o filme "O Hobbit", cuja primeira parte estreia no final deste ano. O diretor comentou que nunca leu histórias em quadrinhos, mas acabou confessando que recentemente terminou "The Walking Dead", do qual gostou muito. Será que ele esqueceu dos álbuns em quadrinhos sobre um certo repórter que ele começou a ler aos oito anos?!

Jackson revelou também não ser fã de super-heróis, a nova mania dos seus colegas de profissão, mas que não se incomoda com o sucesso dos filmes do gênero. "Eu acho que qualquer coisa que possa estimular o retorno [das crianças] ao cinema é uma coisa boa, independente do gênero", afirmou. E, defendendo o retorno de filmes de menor orçamento, o responsável pelos blockbusters "O Senhor dos Anéis" e "King Kong" disse: "Seria uma vergonha se o cinema fosse apenas super-heróis e nada mais. Então o verdadeiro problema é a falta daqueles filmes de orçamento médio".

Mas o que interessa para nós é outro filme de grande orçamento que Peter Jackson está para realizar, a sequência de "As Aventuras de Tintim", segunda adaptação da obra de Hergé em parceria com Steven Spielberg, ainda sem data de estreia prevista. A respeito do novo longa, Jackson comentou que levará Tintim "a um gênero levemente diferente, um pouco menos de aventura alucinante e um pouquinho mais de história de espionagem. Então, é uma ligeira mudança de tom, o que eu acho que vai ser bom", concluiu.

Segundo o site neozelandês 3 News, onde a entrevista foi publicada, Jackson disse que espera passar cinco ou seis semanas realizando a captura de performance, mas só no ano que vem, enquanto finaliza a segunda parte de "O Hobbit", que chega aos cinemas em 2013.

Quanto ao terceiro filme da prometida trilogia, o cineasta falou pouco. "Temos conversado [Spielberg e eu] sobre co-dirigir em algum momento, mas discutimos sobre a ideia de trazer um terceiro cineasta", disse Jackson. "Mas então, dissemos: 'Quer saber? Se estamos nos divertindo tanto, é algo que podemos querer continuar fazendo sozinhos'. Sendo assim, não nos concentramos tanto em um terceiro filme ainda".

:: Especulando, porque é bom... Uma história de espionagem! Será que "O Caso Girassol" é mesmo o título do novo filme?!
Compartilhe:

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Uma conversa com a Sra. Pinson

Sra. Pinson (ou Mrs. Finch, em inglês), é a concierge (uma espécie de senhoria, ou porteira) do apartamento de Tintim nos álbuns de Hergé. Ela aparece pela primeira vez em "O Cetro de Ottokar", e mais tarde nos álbuns "O Caranguejo das Tenazes de Ouro" e "O Segredo do Licorne". É neste último que seu nome é pronunciado pela primeira (e única) vez, pelo Capitão Haddock. A personagem sempre tem uma participação pequena nos álbuns, e isso se repete no filme de Steven Spielberg, onde ela é interpretada pela atriz Sonje FortagEm uma breve e bem-humorada conversa virtual, a intérprete da senhoria de Tintim falou ao blog sobre seu trabalho no longa baseado na obra de Hergé.



"Amo Tintim como uma fã", afirmou ela quando perguntei sobre sua relação com a série antes de ganhar um papel no filme. Para quem não sabe, Fortag é uma atriz experiente em captura de perfomance, tendo atuado em produções como "A Lenda de Beowulf" e "Os Fantasmas de Scrooge", além de dar voz a uma personagem de "Happy Feet: O Pinguim". "Os outros filmes foram tão grandiosos quanto", exclamou.

Falando sobre a técnica, a atriz foi direta: "As pessoas não entendem nosso trabalho", referindo-se ao fato da captura de performance não ser reconhecida como interpretação. "Acham que fazemos apenas as vozes?", protestou.

Para voltar a atuar com a tecnologia, Sonje Fortag contou que não foi necessário passar por testes, "apenas muita preparação, o que foi realmente divertido", afirmou. Ela confessa que parte mais difícil em atuar num filme rodado em captura de performance é "sair de seu traje para ir ao banheiro", se referindo ao macacão colado com luzes brancas que os profissionais utilizam durante as gravações no Volume.

Simon Pegg e Sonje Fortag nos bastidores de 'Tintim'.

Sobre a primeira experiência ao lado dos renomados diretores de "As Aventuras de Tintim", a atriz afirmou: "Trabalhar com Steven Spielberg e Peter Jackson foi um sonho tornado realidade". E apesar da participação da personagem ter parecido curta para o grande público, Sonje revelou: "Eu tive mais cenas, mas elas foram cortadas. Era bem no começo. Isso é tão triste..." A atriz contou também que não sabe nada sobre a suposta participação de Danny DeVito no filme, rumor que circulou há algum tempo sobre o ator ter interpretado o comerciante Oliveira da Figueira em uma cena deletada.

Para encerrar, Sonje Fortag revelou o desejo de voltar a atuar nas sequências do longa, e brincou: "O livro que eu também adoraria ver adaptado é um que tenha a Sra. Pinson". E você?
Compartilhe:

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Roteirista de 'Tintim 2' fala sobre o convite para o filme

No final do ano passado, o escritor Anthony Horowitz falou em seu site sobre o convite para roteirizar a sequência do filme "As Aventuras de Tintim", ainda sem título definido.

"Este foi o ano em que conheci Steven Spielberg - o que foi bastante intenso", contou o roteirista, responsável também pela série de livros "Alex Rider". "Fui convidado a trabalhar na sequência do extremamente bem sucedido filme de Tintim, que estreou em novembro. Há alguns meses eu me encontrava num quarto de hotel em Paris, conversando com ele e Peter Jackson. Me senti como uma ovelha, perdida no nevoeiro e presa entre duas montanhas. Tudo muito assustador, de verdade. Estou tentando não ser intimidado, mas estes são, provavelmente, os diretores de cinema mais bem sucedidos do planeta."

Horowitz falou também sobre sua relação com a obra de Hergé. "Eu li Tintim quando tinha oito anos", disse. "Conheço os livros de dentro para fora. Eu até uso cuecas de Tintim. Com um pouco de sorte, a colaboração vai bem", completou.

Anthony Horowitz havia confirmado o álbum "O Templo do Sol" como título do próximo longa de Tintim, que já estaria totalmente escrito, mas a informação já foi negada mais de uma vez. Até o momento os álbuns em que o segundo filme se baseará são mantidos em segredo, sabemos apenas que eles foram escolhidos. Enquanto isso, o autor trabalha numa adaptação de "Arsene Lupin" (Ladrão de Casaca) para a Warner Bros, além de ter publicado recentemente "A Casa da Seda", novo romance estrelado por Sherlock Holmes, pela primeira vez com o aval dos herdeiros de Conan Doyle. Aliás, você saberá mais sobre este livro em breve, aqui no Tintim por Tintim...
Compartilhe:

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Peter Jackson conclui gravações de "O Hobbit"


O diretor Peter Jackson anunciou em sua página no Facebook o término das filmagens de "O Hobbit". A produção, baseada no livro homônimo de J.R.R. Tolkien ("O Senhor dos Anéis"), será dividida em dois filmes, "Uma Jornada Inesperada" e "Lá e De Volta Outra Vez", e após 266 dias de filmagens partirá para a sala de edição. O primeiro longa estreia já no final deste ano, e tem no elenco nomes como Andy Serkis (nosso Capitão Haddock), Martin Freeman e Benedict Cumberbatch (Watson e Sherlock da série da BBC). Jackson confirmou também que estará na Comic-Con, evento que acontece entre os dias 14 e 15 de julho nos EUA. Da última vez que o cineasta apareceu na convenção foi para falar do primeiro fruto de sua parceria com Steven Spielberg...

O que isso significa para os fãs de Tintim? Que em breve devemos ter mais informações sobre a sequência do filme de Steven Spielberg. Afinal, sabemos até aqui que as gravações de 'Tintim 2' começariam com o fim dos trabalhos em "O Hobbit". Então vamos aguardar..

O HOBBIT - TRAILER
Compartilhe:

sábado, 9 de junho de 2012

Milu em campanha de adoção de animais

O HKAAC (Hong Kong Animal Adoption Center), centro de adoção de animais de Hong Kong, criou uma campanha para incentivar a adoção de cães e gatos. Para isso, uma agência de publicidade de Londres utilizou três conhecidos personagens dos quadrinhos e da TV, visando chamar a atenção do público. Um deles é ninguém menos que Milu, o fox-terrier de Tintim, que no anúncio aparece em uma versão mais "filhote". Confira os cartazes abaixo, e tente identificar os outros modelos da campanha...

"Adote um bichinho. As histórias vêm a seguir..."



Até onde se sabe, a campanha não tem nenhuma ligação alguma com a Moulinsart.

Fonte: Blogopub.
Compartilhe:

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT