sábado, 5 de março de 2011

Tintim no Mundo dos Games

Pesquisa e texto: Guilherme H. dos Reis

Todo mundo conhece Tintim pelas HQs, desenhos e filmes. Mas você sabia os games? Talvez você não saiba, mas Tintim também foi muito famoso em sua época pelos games.

Entre os anos de 1989 a 2001 a empresa francesa de jogos Infogrames (famosa pela série Alone in the Dark) resolveu mostrar à geração “gamer” uma série de jogos estrelados por Tintim, adaptações de HQs. Os jogos resultaram num grande rendimento econômico à empresa e tiveram grande popularidade, principalmente no caso de “Tintin in Tibet”, famoso pela versão de Sega Genesis (o popular Mega Drive).

Os Jogos

Tintin on the Moon (1989)


Plataformas: MS-DOS/Atari St/Amiga/ZX Spectrum/Amstrad CPC

“Tintin on the Moon” foi a primeira adaptação de Tintim para os games. Baseado no álbum “Explorando a Lua”, de 1954, o objetivo do jogo era levar o foguete até a Lua em segurança, desviando-se de meteoros e estrelas. Sobre o controle de Tintim, o jogador também deve desarmar bombas, apagar pequenos incêndios e salvar seus amigos (Haddock, Girassol e os Dupont), presos pelo Coronel Jurgen.

Apesar de não ser muito fiel ao álbum, “Tintin on the Moon” foi um excelente jogo. Sua melhor versão é para os computadores Amiga e Atari ST por ter melhores gráficos.

Screens

Cena de Abertura (Atari ST)

Aqui o jogador deve controlar o foguete (Amiga)

Dentro do foguete (Atari ST)

Tintin in Tibet (1995)


Plataformas: Genesis/SNES/MS-DOS/Windows/Game Boy (e Color)/Game Gear

Seis anos depois, a Infogrames resolve trazer Tintim novamente ao mundo dos games, com um jogo cheio de aventura e ação e muito mais fiel ao álbum: “Tintin in Tibet”.

“Tintin in Tibet” foi o melhor e mais popular jogo da série. Trazendo ótimos gráficos e excelente jogabilidade, o game se tornou muito popular, especialmente para Sega Genesis, pois seus gráficos e som eram melhores. E para computador (Windows e MS-DOS) havia um versão especial em português do Brasil.

A fidelidade para com o álbum é muito grande, sem muitos cortes no roteiro ou acréscimos. Tudo fiel ao trabalho de Hergé. A história principal é a mesma: Tintim tem um sonho estranho mostrando que seu amigo Chang está em perigo nas montanhas tibetanas, devido a um acidente de avião. Sob o controle do jogador, Tintim deve escalar montanhas, pular, nadar e desviar de objetos, pessoas ou animais, e enfrentar o temido Yeti, o Abominável Homem das Neves. Tudo em um limite de tempo.

Esse é o jogo que um gamer ou um fã de Tintim não deve deixar de jogar!

Screens

Seleção de idioma com disponibilidade em PT-BR
(Windows/MS-DOS)

Falas dos personagens são representadas em balões
(Genesis)

Tintim conversando com o Capitão no hotel
(SNES)
Prisoners of the Sun (1996)


Plataformas: MS-DOS/Windows/Game Boy Color/SNES

Aproveitando o sucesso do jogo anterior, a Infogrames decide lançar uma terceira aventura de Tintim: “Prisoners of the Sun”. Baseado nos álbuns “As Sete Bolas de Cristal” e “O Templo do Sol”, o game possui o mesmo estilo de seu antecessor: fidelidade ao álbum, sem grandes cortes na história principal.

A jogabilidade foi bem mais aperfeiçoada nesse jogo. A possibilidade de controlar o Capitão Haddock e também controlar um carro foi uma das novidades do game.

O jogo só não foi tão popular quanto seu antecessor pelo fato de ter sido vendido apenas na Europa, mas conquistou uma grande quantidade de fãs daquela época. Este é outro que deve ser jogado.

Screens

Fase na qual se controla um carro, cujo o objetivo é desviar
dos outros veículos que passam na estrada (SNES)

Nessa fase o jogador deve remar,
desviando a canoa dos obstáculos (SNES)

Aqui o jogador deve enfrentar a cobra
 gigante, atirando pedras(MS-DOS)

Tintin: Objectif Aventure (2001)


Plataformas: Windows/ PlayStation

Em 2001, Tintim retorna em seu primeiro jogo em 3D: "Objectif Aventure" (ou Destination Adventure), baseado nos álbuns: “A Ilha Negra”, “O Tesouro de Rackham, o Terrível”, “No País do Ouro Negro”, “Explorando a Lua” e “Voo 714 para Sidney”. Em relação a seus antecessores o game é bem diferente, não havendo muita fidelidade para com os álbuns.

O game possui 20 níveis, com um chefe no final de cada um e um nível bônus. É possível controlar veículos como barco, jipe, avião e submarino. A jogabilidade é bem ampla: Tintim pode correr, pular, escalar, equilibrar-se em uma corda (ou cipó) e defender-se dos inimigos com o flash de sua câmera, com socos e garrafas de clorofórmio.

Visto que foi lançado apenas na Europa, não se tornou muito popular, mas é um ótimo jogo, tendo também a opção de idioma em português.

Foi um dos últimos jogos a serem feitos pela Infogrames antes de sua falência, mas não caiu em domínio público por ter sido feito em parceria com a Moulinsart Multimidia.

Screens

Coletar essas moedas com a cara do Milu
 é um dos objetivos do jogo (Windows)

Defendendo-se do bode enfurecido (PSOne)
Futuro

Tintim foi sem dúvida muito importante para os games e para a empresa que os fez. Apesar de não ter sido muito popular nas Américas, seus jogos foram bem populares na Europa. Com a chegada da adaptação de Steven Spielberg e Peter Jackson em meados do segundo semestre, a empresa de jogos Ubisoft (famosa por Assassin’s Creed e Splinter Cell) já trabalha numa versão do filme para os jogos. Grandes detalhes ainda não foram revelados, mas vale a pena esperar...

Download

Como os jogos anteriores a “Objectif Aventure” caíram em domínio público (abandonware), devido ao tempo que eles têm e à falência da empresa, eis aqui um link para download de um pacote com os três primeiros jogos de Tintim e um emulador de MS-DOS (o DosBox). Clique aqui para baixar, e tenha um bom jogo!
Compartilhe:

9 comentários:

  1. materia muito legal! o unico que joguei desses foi esse ultimo ai de play 1

    ResponderExcluir
  2. Não sabia que ewxistiam tantos jogos de Tintim! Fico muito contente... O unico jogo que eu tive foi "Tintim no Tibete" (para o Game Boy Color) e que começa com uma pequena referência a "O Lotus Azul" para evidentemente explicar como Tintim conheceu Tchang! E o jogo era muito bom mas acho que o album que fica melhor como jogo é "O Templo do Sol"..

    ResponderExcluir
  3. eita!cade postagens novas?!

    ResponderExcluir
  4. Muito legal o post, parabéns!


    Infelizmente eu não consigo instalar os jogos.

    Aparece essa mensagem de erro:

    "Não foi possível abrir o arquivo Disk1"

    ResponderExcluir
  5. Thiago se você estiver tentando abrir o jogo "Tintin on the Moon" no Windows 7 ou Vista, esqueça por que NÃO vai funcionar. Se os outros jogos não estiverem funcionando, procure as versões para Super Nintendo e o emulador zsnes. Ok?

    ResponderExcluir
  6. Olá, O megaupload onde você upou os jogos foi retirado do ar pelo FBI... alguma possibilidade de reupar os jogos ? grato, aguardo resposta :/

    ResponderExcluir
  7. Gabriel, apesar de estarem em domínio público, o blog não publicará mais links para download.

    Conto com sua compreensão )'')

    ResponderExcluir
  8. link corrompido do destination adventure arrumem please

    ResponderExcluir
  9. kero baixar os jogos help.....

    ResponderExcluir

Fique à vontade para soltar o verbo, marujo!

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT