domingo, 18 de julho de 2010

Total Film: Tudo o que sabemos sobre o filme de Tintim


O site Total Film publicou na última sexta-feira, 16, uma matéria especial sobre o filme 'As Aventuras de Tintim: O Segredo do Licorne'. Como propõe o título, a série de artigos aborda tudo o que sabemos sobre a produção de Steven Spielberg e Peter Jackson, e o blog aproveita para destacar aqui os pontos principais.

Entre outras coisas, a matéria fala a respeito o elenco e a direção do filme, sem deixar de contar a velha história sobre como Spielberg conheceu a obra de Hergé. A técnica de captura de movimentos volta a ser discutida, somando-se a depoimentos de membros da equipe envolvida na trilogia. "Os personagens de Hergé foram renascidos como seres vivos, expressando emoção e uma alma", é o trecho de uma entrevista de Steven Spielberg à Variety. "Eles vão muito além de tudo que vimos até agora com personagens animados por computador".

Algumas curiosidades também são reveladas, ou pelo menos relembradas, como a escolha de Jamie Bell para o papel principal, depois da saída de Thomas Sangster do elenco: tudo ocorreu depois de um telefonema de Peter Jackson oferecendo esta grande oportunidade ao jovem ator britânico, que já havia trabalhado com ele em "King Kong".

A saída de Stephen Moffat da produção, abandonando o roteiro de 'Tintim' para se dedicar à sua amada série "Dr. Who", também é um dos assuntos do especial. Segundo o Total Film, roteirista foi substituído por Edgar Wright e Joe Cornish, que tiveram de re-escrever o script. O site afirma ainda que a escolha pode ter sido muito boa para o lado cômico do filme, já que a dupla é responsável por algumas comédias de sucesso.

Os intérpretes de Dupont e Dupond, Simon Pegg e Nick Frost, respectivamente, são citados junto com uma declaração do primeiro sobre a tecnologia utilizada no longa: "Você pode realmente ver-se como seu personagem no monitor... Mesmo que esteja longe de ser tão brilhante como ele vai ser depois de finalizado, é como um bom jogo N64 de você mesmo!" Sobre a natureza cômica dos personagens, Pegg disse: "São dois detetives disfarçados... mas estão sempre enganados. Eles são ótimos, divertidos personagens para se interpretar".

Um problema potencial que voltou a ser comentado na matéria foi a baixa popularidade de Tintim no mercado norte-americano. Mas o ator Simon Pegg afirma estar certo de que o filme vai conquistar uma legião de novos fãs dos EUA. "Houve uma conversa sobre ninguém saber quem é Tintim", disse ele ao Collider recentemente, "mas é uma coisa muito estranha de dizer, porque ninguém sabia quem era Indiana Jones em 1979! Tintin é uma grande, uma grande história de aventura."

Apesar de o primeiro filme da trilogia só chegar aos cinemas em dezembro de 2011, o site já traz especulações sobre o segundo. O diretor Peter Jackson tem algumas idéias em mente para onde quer levar o repórter na sequência, confessando estar "parcial entre 'As 7 Bolas de Cristal' e 'O Templo do Sol'", seus favoritos. Mas, como disse em entrevista à MTV, está mantendo as opções em aberto. O Total Film garante, contudo, que o enredo de Tintim na Lua já foi rejeitado. "Sem lua no segundo", disse Jackson. "Mas eu acho que [viajar à] lua seria ótimo para um terceiro ou quarto filme. Acho que devemos ficar na Terra no segundo. Nós não começamos a escrever esse roteiro até o próximo ano, quando estamos concluindo o roteiro de O Hobbit, então eu tenho um pouco de tempo para mudar minha mente", conclui.

Se quiser ver a matéria completa em 12 partes, acesse o Total Film.
Compartilhe:

Um comentário:

  1. Achei sensato terem descartado Tintim na Lua para o segundo filme. Talvez no terceiro seja mais adequado.

    Estou a cada dia mais ansioso pelo filme. E parabéns pelo blog, que continua excelente.

    Valeu!

    ResponderExcluir

Fique à vontade para soltar o verbo, marujo!

Translate

Veja também

Veja também
Site oficial de Tintim

Arquivo TPT